Saúde

Whindersson Nunes envia 217 cilindros de oxigênio a Manaus

Hospitais da capital amazonense receberam, no último sábado, 60 respiradores doados pelo humorista, sendo dez aparelhos para cada unidade de saúde.
20/01/2021 15h02 - atualizado

O humorista piauiense Whindersson Nunes enviou 217 cilindros de oxigênio à cidade de Manaus, na manhã dessa terça-feira (19). A capital do Amazonas enfrenta um colapso no sistema de saúde devido ao aumento no número de casos por covid-19.

Ao saber do problema, o humorista mobilizou uma campanha entre artistas para providenciar a compra e envio de cilindros de oxigênio para o estado. Foram contabilizados mais de R$ 340 mil em doações. Entraram na lista os cantores Wesley Safadão, Gusttavo Lima, Marília Mendonça, Tierry, Simone, Luan Santana dentre outros artistas.

A cidade de Manaus recebeu, no último sábado, 60 respiradores doados por Whindersson que foram destinados a seis hospitais, sendo dez aparelhos para cada unidade de saúde.

Em uma publicação no Twitter, o artista divulgou uma foto e escreveu que estava enviando, nessa terça (19), 217 cilindros de oxigênio para Manaus.

“Embarque de 217 cilindros feito hoje as 6:30, chegam hoje as 10:30 em Manaus. Já acordei suave man”, escreveu Whindersson.

Colapso no sistema de saúde

Com o aumento no número de casos de covid-19 no Amazonas, o estoque de oxigênio acabou em vários hospitais de Manaus na última quinta-feira (14), levando pacientes internados à morte por asfixia.

O governo federal transferiu pacientes para outros estados, incluindo o Piauí, e pediu ajuda aos Estados Unidos com o fornecimento de um avião adequado para levar cilindros a Manaus.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web