Viagora

Covid: Prefeitura de Teresina pede que escolas não suspendam aulas

Em nota, a Fundação Municipal de Saúde recomenda que o aluno que testar positivo ou ter sintomas da covi-19 deve se manter em isolamento por pelo menos cinco dias.

Nesta quarta-feira (22), a Fundação Municipal de Saúde (FMS, juntamente com a), Diretoria de Vigilância em Saúde e Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COE), emitiu uma nota técnica com orientações a respeito do isolamento de estudantes que tenha suspeita ou teste positivo para covid-19 na rede pública ou privada de ensino.

De acordo com informações divulgadas pela Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), recomendação da FMS é que não haja fechamento temporário das turmas, turnos ou escolas devido a confirmação ou suspeita, exceto mediante deliberação conjunta da direção da escola e autoridades sanitárias.

Ainda de acordo com informações da prefeitura, a segurança das instituições de ensino fundamental, básico e superior precisa seguir os conhecimentos técnicos e científicos recentes. Em nota, a FMS recomenda que o aluno que testar positivo ou ter sintomas da covi-19 deve se manter em isolamento por pelo menos cinco dias, e só poderá retornar para as aulas, caso no sexto dia, estiver sem febre, sem sintomas ou apresentar melhora, e utilizar a máscara de proteção.

Segundo a FMS, caso o aluno não apresente melhora no sexto dia, deve manter isolamento, até o décimo dia, e pode retornar as aulas se não estiver com febre. O Uso de máscara é recomendado para todos os casos.

Ainda segundo a FMS, os estudantes que tiverem contato com alunos com sintomas ou positivados com o esquema vacinal atualizado podem permanecer frequentando as aulas, mediante o uso de máscara de proteção por pelo menos dez dias e devem ser monitorados e testados por cinco dias após o contato, caso sejam positivados devem ficar em isolamento.

O prefeito de Teresina Dr. Pessoa, afirma que é necessário realizar medidas para que as crianças da capital fiquem em segurança e protegidas da covid-19. “Devemos fazer coletivamente tudo o que pudermos para manter as crianças na escola”, afirma.

Conforme a Prefeitura, a nota técnica Nº 001 FMSDVS/COE, se baseia nas recomendações feitas pela Organização das Nações Unidas (ONU), Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Mais conteúdo sobre:

Teresina

Piauí

Facebook
Indicado para você
Veja também