Viagora

MPPI faz 3º módulo do "Programa Reeducar" contra violência doméstica

De acordo com o MPPI, o programa é uma iniciativa que promove encontros com grupos de homens envolvidos em contextos de violência doméstica e familiar contra a mulher.

Nesta terça-feira (26) a 10ª Promotoria de Justiça de Teresina, que faz parte do Núcleo das promotorias de Justiça de defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar (Nupevid), realizou o terceiro módulo da  6ª edição do “Programa Reeducar”. O encontro do grupo foi realizado na sede do Ministério Público do Piauí (MPPI), na zona leste de Teresina.

De acordo com o MPPI, o programa é uma iniciativa que promove encontros com grupos de homens envolvidos em contextos de violência doméstica e familiar contra a mulher, a fim de sensibilizá-los quanto ao reconhecimento, responsabilização e reflexão.

Foto: Divulgação/MPPIProjeto Reeducar
Projeto Reeducar

Ainda de acordo com informações do MPPI, foram discutidos pelos participantes o uso de substâncias psicoativas como potencializadores da violência doméstica. A psicóloga Danubya Aragão, que atua no tratamento de pessoas com deficiências químicas, foi convidada e ministrou palestras. Os reeducandos debateram sobre as consequências do uso de drogas lítica e ilícita, e conheceram os meios pelos quais podem buscar ajuda nos casos de dependência.

Conforme a Promotoria, os encontros contam com a participação de um especialista no assunto debatido em cada módulo.  O primeiro debatido o papel do homem na atualidade, com a ministração de Núbia Caldas, Assistente Social. No segundo módulo, foi colocado em reunião os aspectos cognitivos dos relacionamentos interpessoais, ministrado pela psicóloga Liandra Nogueira.

Facebook
Indicado para você
Veja também