Viagora

Piauí ganhará primeiro posto de carregamento para carros elétricos

O projeto é uma parceria da Equatorial com a Prefeitura de Teresina e as obras da estação já foram iniciadas.

Teresina ganhará nos próximos meses um posto de carregamento para carros elétricos, que contribui com a descarbonização do meio ambiente a partir do incentivo à redução de impactos causados pelo uso dos combustíveis fósseis. 

Conforme a Equatorial, o projeto surgiu através de uma parceria da mesma com a Prefeitura Municipal de Teresina e as obras da estação já foram iniciadas no Parque da Cidadania.

Foto: Divulgação/ Equatorial.Veículo de modelo 100% elétrico.
Veículo de modelo 100% elétrico.

Segundo a companhia de energia elétrica, além de criar uma proposta sustentável para o transporte, o projeto também busca desenvolver inovações tecnológicas e diversificar as fontes energéticas, além de promover a qualidade de vida da comunidade com o uso de bicicletas disponibilizadas para o lazer.

De acordo com o Engenheiro de Inovação do Grupo Equatorial, Lucas Pinheiro, a chegada do projeto permitirá novas mudanças no atual cenário da mobilidade urbana no Piauí.

“A chegada do projeto de mobilidade elétrica no Piauí vai permitir fomentar e avaliar o uso de veículos elétricos pela comunidade frente ao cenário atual de mobilidade urbana, de forma a incentivar a adesão e contato mais próximo com a tendência mundial de eletrificação das frotas de carros. Por não ter os combustíveis fósseis como fonte, os carros elétricos não emitem CO2 (dióxido de carbono) e não poluem o meio ambiente”, declarou.

De acordo com a Equatorial, as ações do grupo estão alinhadas com os objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) propostos pela ONU.

Exemplos de ODS

Dentre os ODS propostos, a mobilidade sustentável tem especial foco no número 7, voltado a levar energia acessível e limpa para todos, e o ODS 13, que busca tomar medidas urgentes para combater a mudança climática e seus impactos.

Um carro elétrico popular como o modelo Renault ZOE (mesmo modelo que será doado à Prefeitura de Teresina), leva em torno de três horas para uma carga completa e permite o percurso de até 250 km. Levando em consideração que cada carga completa consome 52 kWh de energia, o valor médio para cada carga, na tarifa convencional do Piauí (R$ 0,62804 para cada kWh) com adição dos encargos, tributos estaduais e federais, sairia aproximadamente *R$ 60,00 (*valor médio calculado para um cliente convencional residencial). Para efeito comparativo, encher o tanque de gasolina de um carro a combustão do mesmo porte custa hoje em torno de R$ 250,00.

Com informações da Equatorial Piauí.

Facebook
Indicado para você
Veja também