Viagora

Secretaria do Meio Ambiente propõe volta do turismo no Cânion do Poty

Ainda segundo informações divulgadas pelo o governo do estado, a Semar espera a vistoria que será realizada no Cânion do Poty ainda no mês de maio pela Diretoria de Parques e Florestas do órgão.

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar), propôs o retorno das atividades turísticas no Cânio do Poty após estudos geotécnicos realizados pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM), no local entre os dias 14 e 25 de fevereiro.

Segundo o governo do estado do Piauí, o Cânion do Poty está fechado para o Turismo desde de janeiro deste ano, com a avaliação geotécnica é possível a reabertura do local seguindo as medidas de prevenção de desastres e diretrizes seguras para a realização da pratica ambiental e ecoturismo.

Foto: Divulgação/AscomParque Estadual, Cânion do Rio Poti, no município de Buriti dos Montes, Piauí.
Parque Estadual, Cânion do Rio Poti, no município de Buriti dos Montes, Piauí.

Ainda segundo informações divulgadas pelo o governo do estado, a Semar espera a vistoria que será realizada no Cânion do Poty ainda no mês de maio pela Diretoria de Parques e Florestas do órgão.

De acordo com Daniel Marçal, secretário de Meio Ambiente, as atividades turísticas devem ser revisadas após revisão do plano de retomada. “Ressaltamos que o plano de retomada das atividades turísticas deve ser revisado após a aprovação do Plano de Manejo da Unidade de Conservação, cuja elaboração está em curso”, disse o secretário.

Conforme o governo do estado do Piauí os dados dos estudos revelam que a região do ponto turístico não dá indícios muito fortes para riscos de desabamentos de grandes dimensões que podem ser causados pela chuva, mas ressalta que o risco baixo de acidentes não elimina qualquer possibilidade de ocorrer.

Facebook
Indicado para você
Veja também