Piauí

Dupla que matou comerciante no São Cristóvão é presa pela Polícia Civil

Delegado ressaltou que investigação se deu por campo e imagens de segurança.
MARCOS CUNHA
21/06/2017 12h46 - atualizado

Os dois suspeitos de matar o comerciante Valdemir Neto na última segunda-feira (19), no bairro São Cristóvão, foram presos após investigação da Polícia Civil. Denúncias anônimas, levantamentos em campo e imagens de câmeras de segurança na região ajudaram na localização e prisão dos envolvidos, nesta quarta-feira (21).

De acordo com informações do delegado-geral Riedel Batista, a dupla foi presa no bairro Morros, nas proximidades do Parque Zoobotânico de Teresina. “Eles foram presos com as duas motocicletas utilizadas no crime, as roupas, e estamos agora tentando localizar a arma usada. Eles estavam cada um em uma motocicleta. Tivemos muitas informações da população, policiais em campo direto desde o crime”, contou o delegado.

Os suspeitos foram identificados como Iago Ramon Alves Ferreira e Guilherme Silva da Costa, de 21 e 22 anos, respectivamente. A Polícia ainda está realizando o levantamento de antecedentes criminais dos suspeitos, para identificar possíveis crimes cometidos pela dupla anteriormente.

O caso

Valdemir Neto foi assassinado após tentar impedir um assalto ao estabelecimento comercial da sua tia. Um dos acusados tentou assaltar o lugar e tomar o celular da tia antes, mas não conseguiu.

Ele insistiu no crime e retornou meia hora depois com um comparsa para finalizar o assalto, momento em que Valdemir interferiu e foi baleado. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local.

A morte de Valdemir foi um dos vários homicídios registrados desde as primeiras horas da segunda-feira (19). Pelo menos oito pessoas foram mortas violentamentena última segunda (19) e terça-feira (20). A Secretaria de Segurança afirmou ter intensificado o policiamento ostensivo na cidade, principalmente nas regiões onde os crimes foram registrados.