Viagora

Arthur Aguiar diz que vai priorizar carreira musical

O ator afirmou que dependendo da produção que for chamado, pode analisar a possibilidade de participar e se dividir entra a carreira musical e a atuação.

O cantor e ator, Arthur Aguiar, durante coletiva de imprensa do filme infanto-juvenil Pluft, a fantasminha, o qual está participando, comentou sobre sua carreira no mundo musical e cinematográfico.

O ator, que está interpretando um marinheiro chamado Sebastião no filme, afirmou que dependendo da produção que for chamado, pode analisar a possibilidade de participar e se dividir entra a carreira musical e a atuação. "Quando aparecer um projeto como esse, como o Pluft, vamos analisar. É uma coisa que os atores lá fora fazem muito, o próprio Justin Timeberlake faz isso muito", disse.

Foto: Divulgação/AscomArthur Aguiar divulga data para show.
Arthur Aguiar divulga data para show.

Ainda de acordo com o músico, a carreira na área musical é sua prioridade no momento, mas ele comenta que tem saudade de atuar. "É difícil porque atuar é uma coisa que amo muito fazer, óbvio que dá saudade, vontade. Mas na vida a gente tem que priorizar umas coisas", aponta.

Arthur Aguiar também comentou sobre um encontro que teve com o cantor Djavan, e os conselho que recebeu do colega. "Uma vez encontrei o [cantor] Djavan em um show e ele falou isso para mim: 'se um dia você quiser viver da música você vai ter que se dedicar na mesma proporção que se dedicou à carreira de ator'", lembrou.

O cantor explica que se dedicará na sua carreira musical da mesma forma que fez no ramo da atuação. "Eu fui muito privilegiado na minha carreira de ator de poder fazer algumas coisas e só consegui porque consegui me dedicar 100% a isso, o que fez com que eu conseguisse chegar a algum lugar. Mas lógico que falta muita coisa para mim", explicou.

O ex-BBB assegura que sua vontade de fazer acontecer na música é algo em que se dedicará a construir. "Mas esse sonho da música é muito latente e para eu poder fazer isso acontecer não vai ser do dia para a noite, é uma construção diária com outras pessoas se envolvendo para chegar onde eu cheguei. Então nesse momento vou fazer isso", disse.

Sobre o filme, Arthur Aguiar comenta que gravou as cenas quando ainda não era casado e não tinha sua filha, e afirma que será bom leva-la ao cinema para assistir o longa-metragem. "Quando fiz Pluft, não era casado, não tinha filha e hoje tenho e vai ser muito bom levá-la ao cinema. O mais legal do filme é esse resgate da inocência das crianças, que estão deixando de ser crianças, devido ao YouTube, ao verem coisas para crianças de 12, 13 anos, pulando etapas. E Pluft resgasta essa inocência para mostrar para a criança que é bom sim respeitar as idades, talvez seja uma porta de entrada para o cinema nacional investir nesse lugar, nesse público. A gente diz que a criança hoje nasceu muito acelerada, mas cabe à gente fazer esse caminho de volta e o longa faz muito bem esse papel", aponta ele.

O ator fala a respeito da expectativa sobre filme, e comenta que acredita que os pais e crianças vão gostar e se identificar com a história. "Acho que as crianças vão gostar e os pais vão se identificar quando eram crianças e tinha esse lugar da inocência. Infelizmente não tive contato antes com [a história de] Pluft, mas fico feliz da minha filha com 3 anos já ter esse contato. Já era [um projeto] especial quando aceitei o convite e hoje é ainda mais especial porque tenho a Sofia", afirma.

O filme Pluft, o fantasminha, será lançado no dia 21 de julho nos cinemas brasileiros. O longa-Metragem é dirigido por Rosane Svartman e produzido por Clélia Bessa. Ele é baseado no livro de Maria Clara Machado, com Juliano Cazarré e Fabiula Nascimento.

com informações da Revista Quem

Mais conteúdo sobre:

Entretenimento

Brasil

Facebook
Indicado para você
Veja também