Viagora

River divulgará projeto do Ministério Público na partida de hoje

O projeto também deve fomentar a troca de experiências e a responsabilização subjetiva quanto às ações praticadas, através de palestras, oficinas e rodas de conversa.

O Núcleo das Promotorias de Justiça de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar (Nupevid) articulou parceria com o River Atlético Clube, para promoção do projeto "Reeducar", cujo objetivo principal é proporcionar um espaço de discussão e reflexão para os homens autores de violência doméstica e familiar. O projeto também deve fomentar a troca de experiências e a responsabilização subjetiva quanto às ações praticadas, através de palestras, oficinas e rodas de conversa. Os participantes terão a oportunidade de trabalhar temas raramente abordados nos espaços masculinos, como afetividade conjugal, habilidades sociais e autocontrole, uso e efeitos das substâncias psicoativas e saúde do homem, dentre outros.

A Promotora de Justiça Amparo Paz, idealizadora do projeto, apresentou a iniciativa para os jogadores e a equipe técnica do clube. "O "Reeducar" envolve homens em situação de violência em atividades de reflexão e estímulo à cultura de paz", explicou ela. Hoje (11), no jogo do River contra o Botafogo da Paraíba, pela Copa do Brasil, os jogadores darão o primeiro passo nessa parceria em prol da conscientização e do enfrentamento à violência contra a mulher. O time exibirá faixas de repúdio à violência contra a mulher, contribuindo para a divulgação do projeto. O jogo será realizado no Estádio Governador Alberto Tavares Silva, o Albertão, às 20h30.
Mais conteúdo sobre:

River

Facebook
Indicado para você
Veja também