Polícia

Suposta amante mata mulher a facadas na cidade de União

O crime aconteceu na manhã desta terça-feira (08). A vítima foi morta com várias facadas.
08/01/2019 12h10 - atualizado

Uma mulher é suspeita de assassinar a outra a facadas na manhã desta terça-feira (08), no bairro São Pedro em União. A vítima foi identificada como Domingas Maria Lázaro da Silva, de 41 anos de idade.

O delegado Ricardo Moura, da Polícia Civil de União, esclareceu os fatos e disse que na verdade a amante, Samila, teria matado a companheira do homem com que ela teve um caso. “A Domingas, a vítima, vivia em união estável com o Raimundo, o companheiro da vítima, que estava tendo um relacionamento extraconjugal com a Samila”, disse o delegado.

  • Foto: DivulgaçãoMulher presa após matar outra a facadas em UniãoMulher presa após matar outra a facadas em União

“A Samila relatou que a dona Domingas a estava infernizando, a ameaçando, e que passava fazendo gestos que estavam intimidando ela e que ela entendia como ameaça. Hoje de manhã dizendo ela que foi até a casa dela para conversar, armada com uma faca, e essa conversa virou uma discussão e a discussão virou uma briga e a Samila esfaqueou a dona Domingas”, esclareceu Ricardo Moura.

Segundo o delegado, o companheiro da vítima já foi ouvido pela Polícia Civil e admitiu que já teve um caso com a acusada e que a amante, Samila, não aceitava ele ter terminado o relacionamento por causa da Domingas. “Ela deve ter ficado com raiva e foi atrás dela”, esclareceu o delegado.

Primeiras informações divulgadas

De acordo com informações preliminares repassadas pelo capitão Miguel Luz, da Polícia Militar de União, a esposa teria matado a amante, mas ocorreu o contrário. “Lá foi crime passional. Segundo informações colhidas no local, a vítima de latrocínio, a domingas que é casada, estava tendo um caso com o marido da Samila há algum tempo. Ela tomou conhecimento de toda essa situação e disse que ia tirar essa história a limpo. Pegou uma faca na casa do avô e se dirigiu à casa da vítima”, relatou o capitão.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web