Viagora

População deve comunicar morte de primatas ao Centro de Zoonoses

O animal pode ser deixado no Centro de Zoonoses ou pode ser solicitado o recolhimento.

Todo animal primata encontrado morto ou com comportamento estranho deve ser examinado pelo Centro de Controle de Zoonoses de Teresina. De acordo com a Fundação Municipal de Saúde (FMS), o animal pode ser deixado no Zoonoses ou o recolhimento pode ser solicitado.

“Uma vez recebido o corpo, será coletado material para a realização de exame de raiva (que é feito na Gerência de Zoonoses) e o restante será enviado ao Instituto Evandro Chagas, via LACEN, para que seja feito o exame de arboviroses, entre elas a febre amarela”, explicou Oriana Bezerra, gerente de Zoonose da FMS.

  • Foto: DivulgaçãoMacaco mortoMacaco morto

O Brasil pode estar enfrentando novamente um surto de febre amarela, e os primatas, assim como os humanos são vítimas da doença e com isso se tornam hospedeiros. A transmissão da doença é feita através da picada de certos mosquitos que carregam o vírus e o transmitem para as pessoas e também para os primatas que são picados por outros mosquitos que passam a ser novos transmissores.

A Gerência de Zoonoses fica localizada na Rua Minas Gerais, número 909, bairro Acarape, Zona Norte Teresina e o telefone é o (86) 3215-9149.

Facebook
Indicado para você
Veja também