Viagora

Homem morre esmagado durante manutenção de ônibus em Teresina

De acordo com o tenente, a vitima teria sido prensada pelo veículo após o rompimento da mangueira de ar.

Na tarde desta sexta-feira (11), um mecânico identificado como Isac de 22 anos, morreu durante acidente de trabalho no bairro Santo Antônio, zona Sul de Teresina.

De acordo com informações repassadas ao Viagora pelo tenente Humberto Douglas do Corpo de Bombeiros, a equipe foi acionada por volta de 14h30 por um senhor afirmando que um jovem veio a óbito em baixo de um ônibus.

“Fomos acionados pela nossa central de comunicação, um senhor relatou que houve esse acidente em que um rapaz tinha vindo a óbito em baixo de um ônibus. Em um primeiro momento nos deslocamos ao local achando que se tratava de um acidente veicular na via pública, mas ao chegarmos no local nos deparamos com outra situação”, explicou o tenente.

Ainda segundo o tenente Humberto Douglas, o jovem prestava serviços a esse senhor na manutenção de um ônibus e minutos após pedir um equipamento para o proprietário do veículo o jovem teria gritado por socorro.

“Lá é uma empresa privada em uma garagem fechada e o rapaz era mecânico desse senhor, já fazia trabalhos para ele na manutenção desse ônibus e quando o proprietário nos relatou que em um determinado modelo ele pediu uma das ferramentas, ele estava usando uma faca, e o proprietário afirmou que foi questão de segundos quando se deparou com o rapaz pedindo socorro. Ele foi para outra parte do veículo mostra para um familiar que tinha feito a troca de óleo e o rapaz gritou pedindo ajuda dizendo que estava morrendo”, afirmou o Corpo de Bombeiros.

O Corpo de Bombeiros acionou a perícia e o Instituto Médico Legal (IML) para fazer os primeiros levamentos sobre a dinâmica do acidente.

De acordo com o tenente, a vitima teria sido prensada pelo veículo após o rompimento da mangueira de ar. O homem apresentava afundamento de crânio e lesões na lateral da face.

“Algo que pode se perceber após a retirada e a perícia que provavelmente a mangueira de ar do veículo tenha rompido e teve esse rebaixamento do ônibus e quando o ônibus rebaixou o rapaz foi comprimido entre a carenagem e o pneu. Nós acionamos os órgãos de perícia e o IML e após todo o trabalho da Polícia Cientifica nós fizemos a retirada da vítima da carenagem e constatou que teve afundamento de crânio, lesões na lateral da face, mas a causa da morte somente a perícia pode afirmar”, complementou o tenente.

Facebook
Indicado para você
Veja também