Viagora

UFPI abre processo seletivo com 2.550 vagas para ensino a distância

Os cursos oferecidos neste edital retornam depois de cinco anos e o CEAD não realizava vestibulares há dois anos por conta da pandemia de Covid-19.

  • Isadora Cavalcante/ Viagora Reitor da UFPI, Gildásio Guedes. 1 / 4 Reitor da UFPI, Gildásio Guedes.
  • Isadora Cavalcante/ Viagora Cerimônia na UFPI. 2 / 4 Cerimônia na UFPI.
  • Isadora Cavalcante/ Viagora Apresentação de Edital. 3 / 4 Apresentação de Edital.
  • Isadora Cavalcante/ Viagora Cerimônia na UFPI. 4 / 4 Cerimônia na UFPI.

Na manhã desta sexta-feira (08), o Centro de Educação Aberta e a Distância (CEAD) da Universidade Federal do Piauí (UFPI) abriu um processo seletivo para preenchimento de 2.550 vagas em dez cursos de graduação de 37 polos na modalidade a distância. A cerimônia aconteceu no Salão Nobre da Reitoria em Teresina.

Os cursos oferecidos neste edital retornam depois de cinco anos e o CEAD não realizava vestibulares há dois anos por conta da pandemia de Covid-19. Ao Viagora, a Diretora do CEAD, Lívia Nery, contou mais detalhes sobre a abertura do edital e os benefícios relacionados. As inscrições para esse processo seletivo deverão acontecer do dia 02 de agosto até o dia 31 de agosto.

“As inscrições para esse processo seletivo deverão acontecer do dia 02 de agosto até o dia 31 de agosto. Depois será efetivada uma prova pela nossa Coordenadoria Permanente de Seleção (COPESE). O importante é que esses cursos oferecidos são discutidos com cada uma dessas comunidades e a universidade mantém firme o compromisso de formação dos cidadãos do nosso estado para que eles possam devolver as suas regiões todos os seus conhecimentos adquiridos e ajudem a desenvolver o Piauí.”, comenta Lívia Nery.

Segundo a professora Maria de Lurdes, superintendente de Ensino Superior da Secretaria de Estado da Educação, "a UFPI dará oportunidade a muitos de nossos alunos que almejam a fazer um curso superior e através desse seletivo eles terão oportunidade de realizar os seus sonhos. Então a Secretaria da Educação mantém rigorosamente este apoio e informamos que estamos mudando nosso parque tecnológico para que facilite ainda mais o acesso aos nossos alunos a concluírem seus cursos.”, informa.

O reitor da Universidade Federal, Gildásio Guedes Fernandes, também esteve presente na cerimônia e enalteceu a conquista de educação a distância no Estado.
“Se observarmos o Sisu 2022, só foram 2.318 vagas que é menor que 2.550, e nós tivemos ainda um esforço muito grande no ano de 2020 com o último vestibular de educação a distância e este agora são 450 vagas a mais. Então, tomara que a gente cresça, e espero que o Governo Federal tenha o mesmo pensamento que eu tenho para os grandes programas que possam distribuir justiça social, conhecimento novo as camadas que estão nos mais longínquos municípios. E nós estamos presentes em Luís Correa no extremo norte a Corrente no extremo Sul. As dificuldades são imensas, mas elas aumentaram mais com a pandemia", explica.

Facebook
Indicado para você
Veja também