Viagora

HGV reforça medidas de segurança para prevenção do coronavírus

As ações foram definidas em reunião com diretores, médicos, enfermeiros e profissionais de todas as áreas.

O Hospital Getúlio Vargas (HGV) nesta terça-feira (14), informou que com o aumento nos números de casos de Covid-19, volta a ficar em alerta e adota medidas de segurança. As ações foram definidas em reunião com diretores, médicos, enfermeiros e profissionais de todas as áreas.

Estavam presentes os diretores Osvaldo Mendes e Fernando Danda, o infectologista Eugênio Alexandria, a gerente de Enfermagem, Nirvania carvalho, o coordenador da Regulação Interna, Neomar Soares, o coordenador da UTI, Caubi Medeiros, a diretora do Ambulatório integrado, Hilda Neiva e outros profissionais.

O diretor-geral do HGV, Osvaldo Mendes, explica que o hospital volta a entrar em alerta devido ao aumento no número de casos. Destaca, que está sendo controlada a entrada e reduzindo a quantidade de pacientes.

 "Já temos vários funcionários positivados e estamos tomando uma série de medidas para que essa nova onda não fuja ao nosso controle. Estamos controlando a entrada de pacientes e reduzindo o número de visitantes; fazendo a testagem rigorosa dos pacientes; solicitando a outras unidades que os pacientes encaminhados já venham testados. As mesmas medidas, estamos adotando no Ambulatório Governador Dirceu Mendes Arcoverde (Ambulatório Azul). Também, estamos intensificando as medidas de proteção como uso de máscaras e álcool em gel. Neste momento, pedimos a compreensão de todos para que essas ações sejam adotadas como forma de proteger nossos pacientes internados e funcionários”, explica o gestor.

O Coordenador médico da Comissão de Controle de infecção Hospitalar (CCIH) do HGV, Eugênio Alexandria, afirma que as medidas são importantes devido a mudança no número de casos. “Estamos adotando medidas de biossegurança como uso de máscaras, higienização das mãos e o controle de entrada de pessoas na nossa instituição. Essas ações são de grande valia e importância”, destaca o infectologista.

Por: Bruna Sousa 

Mais conteúdo sobre:

Hospital Getúlio Vargas - HGV

Facebook
Indicado para você
Veja também