Genevaldo Silva

Genevaldo Silva

Opinião & Política - Contato (86) 99839-8180 / 99423-5410 - E-mail: [email protected]

MP investiga servidores da Agespisa por acúmulo ilegal de cargos

13/06/2018 07h48 - atualizado

O Ministério Público do Piauí instaurou um procedimento para investigar denúncia publicada no Viagora informando que servidores da Agespisa estariam acumulando cargos indevidamente em outras repartições públicas.

A denúncia foi distribuída para a 36ª Promotoria de Justiça que está a cargo da promotora Luisa Cynobellina Assunção Lacerda Andrade. Ao tomar conhecimento, a promotora instaurou uma notícia de fato no dia 24 de maio para apurar o caso.

Os auditores do Tribunal de Contas do Estado elaboraram um relatório em 2017 onde foi identificado que diversos servidores públicos da Agespisa estariam acumulando cargos ilegalmente.

Em janeiro de 2018 o conselheiro relator da matéria no TCE, Jaylson Fabianh Lopes Campelo, encaminhou ofício ao presidente da Agespisa Genival Brito de Carvalho para apresentar defesa. No entanto, o gestor nunca se manifestou sobre o relatório.  

  • Foto: ReproduçãoGenival Brito de CarvalhoGenival Brito de Carvalho

Mais na Web