Polícia

DHPP assume caso de jovem que perdeu bebê em Teresina

Conceição de Maria de 24 anos deu entrada na Maternidade Dona Evangelina Rosa, com sinais de agressão.
05/11/2021 12h37 - atualizado

Por determinação da Delegacia Geral de Polícia Civil, o núcleo de feminicídio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) assumiu a investigação da Jovem identificada como Conceição de Maria, que perdeu o bebê após dar entrada na Maternidade Dona Evangelina Rosa, com sinais de agressão, em Teresina.

Segundo o coordenador do DHPP, delegado Francisco Baretta, a investigação já foi iniciada pela delegada Nayana Paz, do núcleo de feminicídio. O prazo para conclusão do inquérito é de 30 dias. 

  • Foto: Divulgação/Arquivo PessoalConceição de Maria.Conceição de Maria.

A mulher de 24 anos que estava grávida, deu entrada em estado grave na maternidade na noite do último domingo (31), apresentando sinais de agressão. Conceição de Maria está internada, em coma em uma unidade de Terapia Intensiva (UTI).

De acordo com o coordenador do Grupo de Apoio Operacional (GAO), Joatan Gonçalves, o pai da jovem registrou um Boletim de Ocorrência na Delegacia da Mulher e afirmou que a filha teria sido fortemente agredida por um suposto ex-companheiro. A versão ainda está sendo apurada pela polícia.

Mais na Web