Viagora

"Se o PL vir para mim até o dia 20 eu abraço", diz Dr. Pessoa

A declaração foi dada pelo prefeito de Teresina na manhã desta sexta-feira (14), durante visita ao Tribunal de Justiça do Piauí.

Na manhã desta sexta-feira (14), o prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, deu um ultimato ao PL e afirmou que se o partido entrar em contato com o prefeito até o dia 20 ele poderá abraçar a legenda.

O prefeito da capital fez a declaração durante encontro com o presidente do Tribunal de Justiça, o desembargador José Ribamar Oliveira.

  • Foto: Luis Marcos/ ViagoraPrefeito de Teresina, Dr. PessoaPrefeito de Teresina, Dr. Pessoa

Questionado se o gestor municipal assumiria o comando do PL, Dr. Pessoa afirmou que se o partido entrar em contato com o gestor até o dia 20 ele poderá abraçar a sigla.

“Se o PL vir para mim até o dia 20 eu abraço, depois disso eu já estou procurando outro partido. Minha tolerância é até essa data”, afirma o prefeito.

Para Dr. Pessoa se houver uma aliança com o PL sua relação com a Câmara Municipal, com legendas como o PT, não deve mudar. O gestor afirmou ainda que o seu apoio ao presidente da República não representa um incomodo para sua relação com a Câmara Municipal.

“Pelo menos meu desejo não é, ontem estive com o Dudu e conversamos bastante na casa da Dr. Andreia e ficou nessa harmonia de que eu votando no presidente da República ou trabalhando com ele não incomoda. As demais tratativas nos trabalhamos aqui em nível de estado do Piauí”, declara o gestor.

Mais conteúdo sobre:

Teresina

Piauí

Dr. Pessoa

Facebook
Indicado para você
Veja também