Viagora

“A história nunca perdoa o traidor”, diz Ciro sobre Marcelo Castro

O ministro da Casa Civil fez críticas ao senador Marcelo Castro na manhã deste sábado (05) durante o lançamento da candidatura de Sílvio Mendes.

Na manhã deste sábado (05), o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (Progressistas) fez críticas ao senador Marcelo Castro, durante o lançamento da pré-candidatura de Sílvio Mendes ao Governo do Piauí, realizado no Eldorado Country Club, na zona Leste de Teresina.

O ministro afirmou que pediu votos para o senador Marcelo Castro nas eleições passadas, mas que acabou recebendo uma facada pelas costas.

Foto: Luis Marcos/ ViagoraLançamento da chapa da oposição ao governo
Lançamento da chapa da oposição ao governo

“Todos viram a facada que eu recebi pelas costas do senador Marcelo Castro. Quantos prefeitos, vice-prefeitos, vereadores eu conversei na campanha passada. Cheguei ao ponto de pedir para prefeitos não votarem em mim, porque eu estava com a eleição tranquila, para votar nesse cidadão, mas que Deus lhe proteja como diz Wellington”, disse.

Ciro destacou que Marcelo Castro havia falado que o ministro tinha barrado recursos federais para Teresina, mas que “a história não perdoa o traidor”.

“Você sabe que foi leviano, que nunca na história do Piauí, da minha vida, da minha trajetória, eu iria trabalhar contra minha gente e eu pergunto, ele falou que barrei os recursos para Teresina, quer dizer que os recursos para a família dele eu não barrei não é. Pensem, mas vamos em frente, a história nunca perdoa o traidor”, destacou.

Facebook
Indicado para você
Veja também