Viagora

Juiz concede prisão domiciliar ao jornalista Arimatéia Azevedo

Segundo a decisão do juiz José Vidal, foi constatado que o jornalista apresenta graves doenças com impossibilidade de tratamento no ambiente penal.

Na última segunda-feira (11), o juiz José Vidal de Freitas Filho concedeu prisão domiciliar ao jornalista Arimatéia Azevedo, que foi condenado a nove anos de reclusão por crime de estelionato.

Conforme a decisão do magistrado, foi realizada perícia médica, onde foi constatado que o jornalista tem graves doenças apontadas em laudo médico, com impossibilidade de tratamento no ambiente penal.

Foto: DivulgaçãoJornalista Arimateia Azevedo
Jornalista Arimateia Azevedo

O juiz também destacou em sua decisão que é “público e notório que o reeducando passou vários meses em prisão domiciliar, que foi revogada posteriormente, quando se decretou prisão preventiva, com recolhimento do apenado em estabelecimento prisional”.

O jornalista Arimatéia Azevedo foi conduzido para a Penitenciária Estadual Irmão Guido no dia 08 de março, por decisão do juiz Ulisses Gonçalves.

Com informações do Portal AZ

Mais conteúdo sobre:

Teresina

Piauí

Arimateia Azevedo

Facebook
Indicado para você
Veja também