Viagora

Homem é condenado a 9 anos de prisão por tentativa de homicídio em Monsenhor Gil

Segundo o MPPI, o crime aconteceu na noite do dia 20 de janeiro de 2019, quando os policiais militares foram informados que o homem estaria agredindo uma pessoa.

Nessa quarta-feira (27), o réu Mateus da Crus Paiva, denunciado pelo crime de tentativa de homicídio contra Márcio Rogério da Silva, foi condenado a 09 anos e dois meses de prisão. O julgamento do tribunal do júri, sob a presidência do Juiz de Direito Silvio Valois Cruz Júnior, aconteceu na cidade de Monsenhor Gil.

Segundo o Ministério Público do Piauí, no julgamento o órgão ministerial foi representado pelo Promotor de Justiça Rafael Maia Nogueira.

Conforme a denúncia do MPPI, o crime aconteceu na noite do dia 20 de janeiro de 2019, quando os policiais militares foram informados que o homem estaria agredindo uma pessoa. Dessa forma, as equipes realizaram diligências para localizar o suspeito e encontraram a vítima com diversos ferimentos na região da face e da cabeça.

Ainda segundo o órgão ministerial, desde janeiro de 2019, ano do crime, o acusado estava preso provisoriamente. Durante a sessão, os representantes do órgão ministerial ouviram diversas testemunhas, bem como a vítima e a mãe de Mateus da Crus Paiva.

Além disso, o MPPI informou que o acusado já possuía antecedentes criminais. O Conselho de Sentença reconheceu a tese apresentada sobre a acusação na prática do crime, por maioria dos votos.

Por fim, de acordo com o Ministério Público do Piauí, a pena do acusado deve ser cumprida em regime inicial fechado. O Juiz ainda negou ao acusado o direito de recorrer em liberdade.

Facebook
Indicado para você
Veja também