Viagora

Ministério Público visita Uespi e cobra melhorias na instituição

A reunião realizada com o reitor da universidade, Evandro Alberto, nessa quinta-feira (28) teve o objetivo de discutir sobre as melhorias na instituição de ensino.

Nessa quinta-feira (28), o reitor da Universidade Estadual do Piauí, Evandro Alberto de Sousa, recebeu a visita institucional das promotoras de justiça Carmelina Moura e Flávia Gomes. A reunião realizada no salão nobre da Reitoria teve o objetivo de discutir sobre melhorias na instituição.

Conforme o Ministério Público do Piauí (MPPI), os integrantes da administração superior da instituição também participaram da discussão que ainda pautou as demandas referentes a melhorias no espaço.

Foto: Divulgação/MPPIReunião do MPPI com o reitor da Uespi, Evandro Alberto.
Reunião do MPPI com o reitor da Uespi, Evandro Alberto.

A representante do órgão ministerial informou que no âmbito da 38ª promotoria de Justiça de Teresina, conduzida pela promotora Carmelina Moura, há procedimentos instaurados sobre carência de professores, problemas relativos ao curso de Medicina, estrutura física e aspectos referentes à segurança da Uespi.

“Como agentes fiscalizadores, mas também, parceiros, dialogamos para, juntos, construirmos soluções diante das questões apresentadas. Com essa visita, objetivamos contribuir efetivamente para maior celeridade na solução dessas questões, inclusive nomeações de professores”, pontua a promotora Carmelina Moura.

Além disso, a promotora de Justiça Flávia Gomes, coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa de Educação e Cidadania (CAODEC), explicou que tem acompanhado as representações na área da educação. Por isso, a representante do MPPI destaca a importância da proximidade, transparência e diálogo com a sociedade e as instituições de ensino.

“No MPPI, estamos acompanhando as representações que chegam, no âmbito da Educação, e, precisamos responder à sociedade. Por isso, ouvimos atentamente os esclarecimentos dados pelo reitor e por sua equipe. E, apresentamos também, nossas indagações. Proximidade, transparência e diálogo são fundamentais para o alcance das melhorias desejadas por todos. Acredito muito no diálogo como ferramenta de resolutividade. Acredito no empenho da Reitoria para a solução célere das dificuldades existentes”, explica a promotora Flávia Gomes.

Durante a visita, o reitor Evandro Alberto ressaltou as ações que tem promovido na Uespi e fez a apresentação da equipe que compõe a Administração Superior. Além disso, o professor também respondeu aos questionamentos apresentados pelas promotoras de justiça e destacou a relevância do diálogo e aproximação para fortalecer a atuação das instituições.

Por fim, as representantes do MPPI percorreram as dependências da Universidade Estadual do Piauí, no bairro Pirajá em Teresina, e visitaram o complexo do Núcleo de Formação e Pesquisa em Energias Renováveis do Piauí (Nufperpi), localizado no Centro de Formação Antonino Freire.

Facebook
Indicado para você
Veja também