Viagora

Equatorial Piauí inicia Escola de Eletricistas e qualifica profissionais

A ação é uma parceria da empresa com o Senai e visa capacitação de novos profissionais do setor elétrico.

Nessa segunda-feira (30), foi inaugurado a Escola de Eletricistas realizado no prédio da Federação das Indústrias do Estado do Piauí. A ação foi uma parceria da Equatorial Piauí com o Senai e visa capacitação de novos profissionais do setor elétrico.

Segundo o Gerente Corporativo do Projeto de Gestão e Segurança da Equatorial, Leonardo Rodrigues, a Escola de Eletricistas tem o objetivo de qualificar pessoas para o mercado de trabalho e promover a conscientização sobre consumo consciente e segurança com o uso da energia elétrica. “Hoje é um momento importante não só para o Piauí, mas para outros estados em que o Grupo Equatorial atua e realizam o curso. É uma iniciativa que nos deixa muito motivados em promover a capacitação de novo profissionais que, após a conclusão do curso, serão protagonistas de suas carreiras”, destaca Leonardo.

Foto: Divulgação/Equatorial PiauíOs 25 novos profissionais do curso Escola de Eletricistas.
Os 25 novos profissionais do curso Escola de Eletricistas.

O curso é gratuito e após a conclusão os formados estarão habilitados na atuação do trabalho com energia elétrica. As inscrições para o programa iniciaram ainda no mês de maio com limite de 200 concorrentes às 25 vagas disponíveis para o curso. Durante o curso todos os alunos recebem ajuda de custo e são trabalhados aspectos interpessoais e emocionais. A carga horária é de 40h semanais, totalizando 480h do curso profissionalizante e 112h de curso comportamental.

A Escola de Eletricistas é uma realização do E+ Profissional, projeto do Programa de Eficiência Energética Grupo Equatorial Energia e regulado pela ANEEL.  O gerente de relacionamento da Equatorial Piauí, Joaquim Milhomem, conta sobre sua experiência como próprio aluno do projeto e como isso lhe abriu oportunidades.

“Eu tenho uma razão particular para me sentir identificado com os alunos, há alguns anos eu estava sentado em uma cadeira dessas, como estudante de um curso de eletricistas. Hoje quando eu olho para minha história, vejo que não poderia ter feito escolha melhor. Desejo muito sucesso a todos os alunos e com certeza esse será o primeiro passo para muitas oportunidades que virão”, ressalta o gerente.

Por Isadora Cavalcante

Mais conteúdo sobre:

Teresina

Piauí

Equatorial Piauí

Facebook
Indicado para você
Veja também