Viagora

FMS aplica mais de quatro mil doses de vacina contra Covid em Teresina

Segundo a FMS, a aplicação foi realizada nos dias 26 a 28 de dezembro deste ano.

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina aplicou, de 26 a 28 de dezembro, 4.224 doses de vacinas contra a covid. A vacina está sendo ofertada em Teresina nos seguintes locais:  Maternidade Wall Ferraz, Hospital do Promorar, Hospital do Satélite e no CEREST; que é exclusivo para os trabalhadores da saúde.

Ainda segunda Fundação, no mesmo período foram também realizados 1.039 testes, sendo que, deste total, 404 foram positivos para a doença. Os testes estão sendo realizados nos ambulatórios do Hospital do Dirceu, do Promorar e da Primavera.

Os profissionais de saúde indicam que a população com sintomas leves pode procurar estes locais e para casos graves da doença, devem se dirigir às urgências dos hospitais ou as UPAs municipais da cidade.

De acordo com dados da FMS, Teresina é a capital do Nordeste com os maiores índices de vacinação de 2023. O relatório tem como base o balanço anual lançado pelo Ministério da Saúde. Ainda segundo estes dados, vacinas como a Pneumocócica e a primeira dose de Tríplice Viral ultrapassaram a meta de 90% de cobertura estabelecida para este ano.

Uso de máscara volta a ser obrigatório nos hospitais e outras diretrizes

Na capital do Piauí é obrigatório o uso de máscaras em todos os serviços de saúde, ressalvadas as exceções previstas para crianças menores e indivíduos incapazes de manuseá-las adequadamente. Também é obrigatório o uso de máscaras por indivíduos com sintomas da Covid, teste positivo ou contato recente com indivíduo com a doença.

Também está recomendado o uso de máscaras em indivíduos sob maior risco de desenvolver formas graves de COVID-19 (idosos, gestantes, puérperas, imunocomprometidos, transplantados e portadores de câncer, acidente vascular cerebral, doença renal crônica, doenças pulmonares crônicas, cardiopatia grave, hepatopatia crônica, diabetes mellitus não controlado e obesidade), bem como em indivíduos com indicação médica de manter o uso ou que, por decisão individual, prefira manter o uso.

A FMS reforça a importância da higienização das mãos com água e sabão ou com álcool em gel como medida preventiva.

Facebook
Indicado para você
Veja também