Viagora

MPF abre inquérito civil contra o Hospital São Marcos

O Procurador da República responsável pelo caso é Israel Gonçalves Santos Silva. Ele também expediu Recomendação à direção do hospital.

O Ministério Público Federal instaurou inquérito civil para investigar denúncia de que os recursos federais do Sistema Único de Saúde (SUS), estariam sendo mal usados pela direção do Hospital São Marcos, em Teresina. O inquérito foi aberto através de portaria assinada no dia 28 de novembro.

O Procurador da República responsável pelo caso é Israel Gonçalves Santos Silva. Ele resolveu iniciar a investigação após indícios de irregularidades apontadas em relatório do Departamento Nacional de Auditoria do SUS (Denasus).

  • Foto: Street ViewHospital São MarcosHospital São Marcos

De acordo com a inspeção realizada, a direção do Hospital São Marcos continua descumprindo regulamentações do Ministério da Saúde quanto ao núcleo de atendimento domiciliar interdisciplinar ao paciente oncológico, descumprindo o prazo de 60 dias para início do tratamento de pacientes.

No dia 29 de novembro, o procurador expediu uma Recomendação ao hospital, para que obedeça às determinações do Ministério da Saúde e que comprove o cumprimento da recomendação no prazo de 30 dias.

Facebook
Indicado para você
Veja também