Viagora

Tribunal de Justiça do Piauí recebe motos para rondas ostensivas

O órgão foi beneficiado com duas motocicletas e equipamentos de proteção individual da Polícia Militar do Piauí.

Nesta quinta-feira (14), o Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) recebeu duas motocicletas e equipamentos de proteção individual da Polícia Militar do Piauí. Os veículos são destinados as rondas ostensivas realizadas nas regiões circunvizinhas aos prédios do órgão.

O presidente do TJ-PI, desembargador José Ribamar Oliveira, destacou a importância da cooperação entre as instituições. O representante do órgão também ressaltou que as motocicletas e os equipamentos vão potencializar a segurança das comunidades próximas aos prédios da unidade.

Foto: Divulgação/ TJ-PIVeículos recebidos pelo TJ-PI.
Veículos recebidos pelo TJ-PI.

“O Tribunal de Justiça e a Polícia Militar firmaram termo de cooperação e são instituições parceiras em diversos projetos e atividades, inclusive com intercâmbio de tecnologias. Com a disponibilização dessas duas motocicletas e os respectivos equipamentos de proteção para os policiais que atuam na assistência militar ao TJ, poderemos realizar rondas ostensivas nas regiões próximas às sedes do Tribunal e ao Fórum, ampliando a segurança das comunidades vizinhas aos prédios do TJ e contribuindo para o combate à criminalidade”, explica.

De acordo com o comandante-geral da Polícia Militar do Piauí, coronel Scheiwann Lopes, a assistência militar ao TJ-PI será reforçada no âmbito dos policiamentos das ruas e bairros no entorno do prédio.

“Os policiais já fazem a segurança dos servidores, magistrados e usuários da Justiça nos prédios do TJ e, agora, reforçarão o policiamento das ruas, nos bairros do entorno do Tribunal. O maior beneficiário será a população que reside nas comunidades adjacentes e os cidadãos que praticam esporte em toda a avenida Padre Humberto Pietrogrande”, garante

O superintendente de Segurança do Tribunal de Justiça do Piauí, coronel Castelo, ressaltou que o policiamento é fundamental para o órgão da Justiça visando a normalidade na realização das atividades no local.

"É fundamental a presença de policiais nos fóruns e outros prédios do Judiciário, para garantir que as atividades ocorram dentro da normalidade e da paz, resguardando a segurança de todos. O nosso papel agora se expande e passaremos a servir, também, àquelas pessoas que moram no entorno do TJ”, conclui.

Facebook
Indicado para você
Veja também