Viagora

“Lula é o pré-candidato melhor posicionado nas pesquisas", diz Rafael

O pré-candidato ao Governo do Piauí também falou sobre o lançamento da pré-candidatura de Lula que irá acontecer em maio.

O pré-candidato ao Governo do Piauí, Rafael Fonteles, anunciou que o lançamento da pré-candidatura do ex-presidente Lula ocorrerá em evento realizado no dia 07 de maio e que está previsto para visitar o Piauí, ainda sem data marcada.

Diante das especulações sobre a pré-candidatura de Lula, se de fato seria oficializada ou não, o ex-secretário de Fazenda do Piauí pontua que isso não se passa de uma fake News que é implantada pela oposição para atrapalhar o debate com a população.

Foto: Luís Marcos/ ViagoraPré-candidato ao Governo do Piauí, Rafael Fonteles.
Pré-candidato ao Governo do Piauí, Rafael Fonteles.
“É como eu disse é uma metodologia que o presidente Bolsonaro inaugurou no Brasil de plantar notícias falsas todo tempo para tentar gerar cortinas de fumaça e atrapalhar o debate do povo, que interessa ao povo. Então no momento em que ele planta uma fake News dessa é obvio que o presidente Lula é pré-candidato a presidente pelo Partido dos Trabalhadores”, afirma Rafael Fonteles.

Rafael Fonteles destacou o desempenho do ex-presidente nas pesquisas eleitorais e ressaltou que Lula possui amplas chances de vitória diante da sua aceitação com o povo brasileiro. O lançamento de sua pré-candidatura aguarda somente a movimentação política em busca de apoio e um candidato a vice que será Geraldo Alckmin, ex-governador de São Paulo.

“Lula é o pré-candidato absolutamente melhor posicionado nas pesquisas, sintonizado com o povo e que tem amplas chances de vitória. Claro que tem que ter o pé no chão sempre para fazer o debate ainda mais em uma eleição polarizada então é só fake News, vai ter o lançamento da pré-candidatura do presidente Lula, é importante sobre fazer o pré-lançamento quando já está resolvida a questão dos apoios, então ainda estava nessa fase de conversas com os partidos políticos e com líderes, mas vai haver o lançamento agora no dia 07 de maio e assim como houve o nosso aqui dia 02 de abril, a gente resolveu essa equação política mais cedo, agora que se escolheu o vice que foi o ex-governador Geraldo Alckmin”, ressalta.

A chapa Lula e Alckmin vem sendo avaliada por petistas da base que ressaltam a união como positiva diante das circunstâncias para derrotar Bolsonaro nas eleições, assim como os correligionários Rafael Fonteles ressaltou que essa aliança mostra ao povo que o PT e Lula estão dispostos a dialogar com diversos setores da sociedade visando fortalecer a democracia.

“Eu achei importantíssimo porque mostra que o presidente Lula e que o PT estão dispostos a conversar com outros segmentos da sociedade ampliando o campo político, isso vai ser importante para ganhar as eleições e para a governabilidade, então a junção de dois ex-adversários políticos em função de um pleito mais importante que é o fortalecimento da democracia e impedir que prossiga esse estado de destruição do Brasil, que está sendo feito pelo atual presidente, então é um gesto muito importante portanto o lançamento agora em maio será ainda mais fortalecido em virtude disso e como ele mesmo disse depois vai começar a rodar o Brasil em contato com o povo que é o que ele gosta e sabe fazer”, enfatiza.

Por fim, o pré-candidato afirmou que p ex-presidente Lula deverá retornar ao Piauí durante pré-campanha pelos Estados da região Nordeste onde já demonstrou através de pesquisas eleitorais que tem maior aceitação pela população.

“Ele vai vir em todos os Estados , ele deve vir ainda no primeiro semestre creio na região Nordeste e certamente ao Piauí que é o Estado referência para ele, nós temos o nosso governador Wellington Dias presente na coordenação da campanha, então realmente ele vai estar aqui como foi o presidente da história que mais vezes esteve aqui, é só você contar no primeiro ano de governo, antes de ser governo que é mais importante, ele tem mais identidade com o povo do Piauí,  ele veio várias vezes, praticamente todos os anos de 1988 para cá, no período em que ele era candidato a presidente da República. Aqui vai vir certamente nesse ano e nós vamos receber como sempre com calor humano, muita gente querendo ouvir a mensagem de esperança do presidente Lula”, concluiu Rafael Fonteles.

Facebook
Indicado para você
Veja também