Viagora

Depende do Wellington definir um nome, diz Evaldo Gomes sobre 2ª suplência

O deputado explicou que o partido já apresentou diversos nomes ao ex-governador e agora quem deve definir o cenário desta composição é o petista, que já tem como primeira suplente Jussara Lima.

Nessa segunda-feira (13), o deputado Evaldo Gomes falou sobre o andamento dos diálogos entre o Solidariedade e o PT para a escolha da segunda suplência de senador do ex-governador Wellington Dias. O parlamentar também comentou a respeito do apoio do presidente da Câmara Municipal de Teresina, vereador Jeová Alencar, ao pré-candidato a governador da oposição Sílvio Mendes (União Brasil).

O presidente estadual do Solidariedade falou ao Viagora que o partido já apresentou diversos nomes ao ex-governador e agora quem deve definir o cenário desta composição é o petista, que já tem como primeira suplente Jussara Lima, esposa do líder estadual do PSD, Júlio César.

Foto: Matheus Santos/ ViagoraDeputado Evaldo Gomes
Deputado Evaldo Gomes

“Nós já apresentamos para ele vários nomes e agora depende do próprio Wellington definir quem ele pretende ter na condição de segundo suplente do Solidariedade”, destacou.

Questionado sobre como o partido aliado ao PT avalia o apoio de Jeová Alencar (Republicanos) ao pré-candidato Sílvio Mendes, Evaldo Gomes explicou que está tranquilo quanto a isso e que a decisão é particular. O deputado afirmou que Wellington Dias tem experiência política e tem o apoio da maior parte dos eleitores piauienses.

“Nós estamos tranquilos, acho que cada partido, cada pessoa, tem o seu direito de optar, de decidir o melhor caminho que deve seguir na campanha, na política. Nós estamos muito tranquilos o [ex] governador Wellington Dias tem experiência política, ganhou quatro eleições no primeiro turno, já foi senador da república e hoje ele tem o apoio de uma boa parte dos piauienses tanto é que as pesquisas o apontam como favorito em mais de 50%”, garante.

Facebook
Indicado para você
Veja também