Piauí

Falta de impressora atrasa emissão de documentos no Detran de Paulistana

Segundo o Detran, o CRV se desvinculou do papel moeda e se transformou em CRV Eletrônico (CRV-e), e na Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo Eletrônica (ATPV-e).
29/01/2021 07h00 - atualizado

O Viagora recebeu uma denúncia relatando que o posto de atendimento do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PI) em Paulistana não está emitindo o documento de transferência de propriedade de veículo devido a falta de equipamento de impressão.

O empresário Cláudio Neiva relatou que a equipe do posto está realizando os atendimentos normalmente, mas que os processos não são finalizados.

“O que acontece é que você faz a vistoria do veículo, faz todo o procedimento, paga as taxas, paga tudo, mas não tem as máquinas para imprimir o documento”, comentou.

O denunciante afirmou que os atendentes alegam que os documentos não estão sendo emitidos devido a estarem esperando uma impressora que ainda não chegou.

“Eles dizem que estão esperando uma impressora que é para vir e nunca chegou. O que acontece é que como hoje existe o CRV digital, quando você tem um veículo que você só renova o emplacamento, você tira em qualquer computador, qualquer impressora. Mas quando há a transferência de propriedade, você precisar ir ao Detran fazer uma vistoria e o Detran precisa emitir aquele documento de transferência de propriedade, e isso não está acontecendo”, disse.

Cláudio comentou que está tentando ter acesso ao documento desde o início do mês de janeiro.

“Estou tentando fazer a transferência de um carro que eu comprei em Petrolina, tentando passar para o meu nome, e não consigo, embora já tenha pagado o IPVA, a transferência, feito a vistoria, inclusive até as placas já chegaram, mas eu ainda não consegui ter acesso a esse documento. Isso acontece desde o começo do mês”, completou.

Outro lado

O Viagora entrou em contato com o Detran-PI para falar sobre o caso e o órgão se pronunciou por meio de nota enviada pela assessoria de comunicação.

Confira a nota na íntegra:

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PI), esclarece que a Ciretran do município de Paulistana-PI até o mês de Dezembro de 2020 estava realizando a emissão do Certificado de Registro de Veículo (CRV), o antigo DUT, em papel moeda. E após a realização do serviço no qual demanda a emissão de um novo CRV na Ciretran, o usuário recebia um protocolo de atendimento no qual era válido em até 20 dias para o recebimento, em forma de papel moeda.

Porém, conforme  a Resolução Nº 809 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) que aprovou a digitalização desses documentos neste ano de 2021. O CRV se desvinculou do papel moeda e se transformou em CRV Eletrônico (CRV-e), e na Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo Eletrônica (ATPV-e). Ou seja, agora o usuário receberá o seu novo documento em papel A4, e de forma eletrônica.

Frisamos que, o usuário que possui seu protocolo de atendimento e aguarda a emissão deste documento, pode se dirigir até a Ciretran na data programada e informada para realizar o recebimento do mesmo.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web