Piauí

Governador Wellington Dias faz 57 anos e Rejane Dias se declara

"Sempre atencioso, carinhoso e bem humorado. Sinto muito orgulho do ser humano que és e de poder caminhar pela vida ao seu lado, de mãos dadas", diz a primeira-dama.
05/03/2019 17h03 - atualizado

O governador Wellington Dias completa 57 anos de vida nesta terça-feira (05). A sua esposa, deputada federal Rejane Dias, fez uma publicação nas redes sociais para declarar o seu amor ao marido. Ela publicou uma foto de casamento dos dois e teceu vários elogios ao esposo.

  • Foto: Facebook/Rejane DiasRejane Dias comemora a vida de casada.Rejane Dias comemora a vida de casada.

“Parabéns pelo seu aniversário, meu amor! Esse é o registro do nosso casamento e hoje vejo como você se tornou um marido, pai, avô e filho de qualidades admiráveis! Sempre atencioso, carinhoso e bem humorado. Sinto muito orgulho do ser humano que és e de poder caminhar pela vida ao seu lado, de mãos dadas. Desejo que esta data se repita por longos anos e que possamos celebrar sempre juntos, com saúde, amor, paz e harmonia. Eu te amo muito, muito! Que Deus te abençoe abundantemente em nome de Jesus”, escreveu Rejane Dias.

Sobre Wellington Dias

José Wellington Barroso de Araújo Dias nasceu na cidade de Oeiras, Piauí, em 5 de março de 1962 e foi criado em Paes Landim, no Vale do Fidalgo. É casado com Rejane Ribeiro Sousa Dias e tem três filhos: Iasmin, Vinícius e Daniely. Estudou Letras na Universidade Federal do Piauí (1982). Cursou Políticas Públicas e Governo, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1998) e especializações no exterior.

Ofício e Arte

Bancário e escritor, Wellington trabalhou no Banco do Nordeste do Brasil, Banco do Estado do Piauí e Caixa Econômica Federal, da qual é funcionário licenciado de carreira. Trabalhou na Rádio Difusora de Teresina. Filiou-se ao PT em 1985 e iniciou suas atividades sindicais como integrante da CUT - Central Única dos Trabalhadores, e presidente da APCEF - Associação de Pessoal da Caixa Econômica Federal, entre 1986 e 1989. Foi presidente do Sindicato dos Bancários do Estado do Piauí, entre 1989 a 1992.

Política

Wellington Dias Iniciou na vida pública em 1992, como vereador de Teresina. Em 1994, elegeu-se deputado estadual, chegando à presidência do diretório regional do PT, onde ficou de 1995 a 1997. Em 1998, foi o primeiro deputado federal eleito pelo PT no Piauí. Renunciou ao mandato de deputado federal em 29 de novembro de 2002.

No mesmo ano, Wellington Dias foi eleito em primeiro turno para o cargo de governador do Piauí pela coligação A Vitória que o Povo Quer, tendo Osmar Ribeiro de Almeida Júnior como o vice-governador. Ele foi reeleito no dia 1º de outubro de 2006. Deixou o cargo em março de 2010, para disputar as eleições ao Senado Federal, sendo eleito com votação histórica (997.513 votos). No ano de 2014, foi eleito mais uma vez, em primeiro turno, governador do Estado. Em 2018 concorreu à reeleição, tendo sido eleito para o quarto mandato como governador do Piauí.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web