Piauí

IBGE aponta que Piauí é o estado onde os casamentos duram mais

De acordo com o levantamento, o tempo médio de duração dos casamentos teve queda em todos os estados nos últimos dez anos.
10/12/2020 10h18 - atualizado

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou uma pesquisa nessa quarta-feira (9) que revela que o Piauí é o estado onde os casamentos duram mais. A média do estado é de 17,6 anos, tempo transcorrido entre a data do casamento e a do divórcio. A média do país é bem abaixo, com média de 13,8 anos.

Logo depois do Piauí, aparece o Rio Grande do Sul, com uma média de 16,7 anos, Rio Grande do Norte, com 15,7, Maranhão, com 15,4 e Santa Catarina, 15,3.

De acordo com o levantamento, o tempo médio de duração dos casamentos teve queda em todos os estados nos últimos dez anos. No ano de 2009, a média dos casamentos no Piauí era de 19,9 anos e no Brasil de 17,5 anos.

Já o número de divórcios entre pessoas casadas a menos de 10 anos no estado teve um aumento de cerca de 35,8%. Esses números vêm crescendo desde 2009, ano em que 19,4% dos divórcios eram entre casais com menos de 10 anos de matrimônio.

Mesmo com esse crescimento, o Piauí mantém a menor taxa de divórcios antes dos 10 anos de casamento, enquanto a maior proporção é em Rondônia, em que 64,2% dos divórcios entre casais com menos de 10 anos de casamento. Essa média no Brasil antes da primeira década é de 47,2%.

Casamentos homoafetivos entre 2018 e 2019

De acordo com o IBGE, as uniões matrimoniais homoafetivas entre os anos de 2018 e 2019 no Piauí tiveram uma queda de 6,6%, com somente 45 casamentos entre pessoas do mesmo sexo em 2018 e 43 em 2019.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web