Piauí

Mais 90 mil alunos voltam às salas de aula nesta segunda no Piauí

Os alunos da rede estadual que retornam na data estabelecida são os do 1º, 2º, 3º, 4º, 6º, 7º e 8º anos do Ensino Fundamental e 1ª e 2ª séries do Ensino Médio.
31/10/2021 11h10 - atualizado

Cerca de 90 mil estudantes voltam às salas de aulas em mais de 600 escolas no Piauí, no inicio deste mês de novembro. A norma segue a portaria GSE N° 14442/2021, que estabelece o retorno 100% presencial na rede estadual de ensino.

Os alunos que retornam na data estabelecida são do 1º, 2º, 3º, 4º, 6º, 7º e 8º anos do Ensino Fundamental e 1ª e 2ª séries do Ensino Médio.

Conforme o secretário de Educação, Ellen Gera, a Secretaria de Estado (Seduc) já vinha se preparando para o retorno com o repasse de recursos para que as escolas se adequassem, fazendo todo o processo necessário para garantir a segurança do ambiente escolar.

  • Foto: Divulgação/Governo do PiauíCerca de 90 mil alunos voltam às salas de aula em novembro.Cerca de 90 mil alunos voltam às salas de aula em novembro.

‘’Já retornamos com a 3ª série do Ensino Médio, com o 5º e 9º ano do Fundamental e, agora, completamos o retorno total com a volta das demais séries. A retomada é essencial, precisamos aproveitar esses meses para fazer a recomposição da aprendizagem e finalizar o calendário escolar. Todos os estudantes devem voltar para a escola, essa é a recomendação”, disse o secretário.

De acordo com a Seduc, com a nova medida, as unidades de ensino da rede estadual estão organizando suas atividades pedagógicas com cinco dias de atividades presenciais para a 3ª série do Ensino Médio e 9º ano do Ensino Fundamental e, para as demais séries do Ensino Médio e Ensino Fundamental, serão quatro dias de aulas presenciais e uma com abordagem remota.

Ainda de acordo com a secretaria, a volta às aulas só não será obrigatória aos estudantes que apresentarem um pedido formal que, após análise das escolas, tenha autorização para continuar em atividade remota.

“As superintendências de ensino e as gerências regionais irão acompanhar de perto o retorno, principalmente aquelas escolas e estudantes que não conseguirem voltar. Nosso objetivo é garantir o direito à educação, garantir a permanência dos estudantes na escola e garantir aprendizagem de todos os estudantes da rede”, finaliza Ellen Gera.

Mais na Web