Polícia

Polícia Federal descarta "pegadas" de pé 42 no local onde Fernada Lages foi encontrada morta

Em entrevista o perito federal explica detalhes que levaram ao suicídio.
    28/09/2012 15h58

    O repórter Joelsom Giordani trouxe, no início da tarde desta sexta-feira (28/09), em reportagens especiais exibidas no programa Jornal do Piauí, da TV Cidade Verde, mostrou novidades do Caso Fernanda Lages, com novos detalhes sobre o minucioso laudo pericial feito pela Polícia Federal, que apontou que ela realmente cometeu suicídio (com possibilidade de ter sofrido um acidente).

    Ele teve acesso com exclusividade à documentação do relatório da PF, que tem 21 volumes e 5 mil páginas. O perito da PF, José Arthur, participou em entrevista durante a exibição das reportagens e confirmou as informações. Questionado pelo apresentador do programa, Amadei Campos, sobre assuntos polêmicos, como por exemplo as supostas pegadas informadas pelo coronel da PM Almeida e ainda sobre o que disse o promotor de Justiça Eliardo Cabral, que o assassino de Fernanda seria um homem, "cheio de botox na cara", que hoje mora na Bahia e que calça um tênis de tamanho 42, ele descartou totalmente.

    Mais conteúdo sobre:

    Mais na Web