Piauí

Vereadora Arlete Pereira morre em Bertolínia vítima de AVC

A vereadora chegou a ser entubada, mas não resistiu após sofrer três paradas cardíacas. Por meio de nota, a Câmara Municipal lamentou a morte da vereadora.
04/08/2020 18h00 - atualizado

Na noite dessa segunda-feira (03), a vereadora Arlete Pereira, da cidade de Bertolínia, faleceu aos 40 anos devido a um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

O prefeito da cidade, Geraldinho, informou que a vereadora teria saído para fazer caminhada, por volta das 19h, e em seguida teria ido até a casa de uma amiga, quando passou mal e já caiu desacordada.

  • Foto: DivulgaçãoVereadora Arlete Pereira morre em Bertolínia após sofrer AVCVereadora Arlete Pereira morre em Bertolínia após sofrer AVC

De acordo com o prefeito, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e encaminhou a vereadora para o Hospital Rita Martins, que em seguida foi transferida para o Hospital Regional Tibério Nunes, na cidade de Floriano.

A vereadora chegou a ser entubada, mas não resistiu após sofrer três paradas cardíacas. Por meio de nota, a Câmara Municipal de Vereadores de Bertolínia lamentou a morte da vereadora.

“A Câmara Municipal de Bertolínia externa o mais profundo pesar pelo falecimento da vereadora Arlete Pereira. A Câmara compartilha este momento de dor com a família e com a sociedade que, por muitos anos, pôde contar com os trabalhos da vereadora no poder Legislativo bertolinense”, diz nota da Câmara.

Mais na Web