Piauí

Wellington Dias visita áreas afetadas por enchentes em Teresina

Segundo o Corpo de Bombeiros do Piauí, há cerca de cinco mil pessoas afetadas pelas chuvas em todo o estado.
25/03/2020 12h40 - atualizado

Nessa terça-feira (24), o governador Wellington Dias visitou a região do Poti Velho e São Joaquim para ver pessoalmente o volume dos rios e a situação das famílias ribeirinhas.

  • Foto: DivulgaçãoWellington Dias visita famílias ribeirinhasWellington Dias visita famílias ribeirinhas

De acordo com o secretário de Estado da Defesa Civil, Geraldo Magela, atualmente o rio Poti se encontra dentro do nível de normalidade, mas que necessita ser observado. “O rio Poti já se encontra dentro da sua faixa de normalidade para o período. No dia 20, sexta-feira passada, ele passou a sua cota de inundação e atingiu várias populações ribeirinhas, levando pessoas a serem desabrigadas”, explicou.

O Corpo de Bombeiros do Piauí disse que há cerca de cinco mil pessoas afetadas pelas chuvas, em todo o estado, sejam desabrigadas, desalojadas ou que ficaram isoladas, sem acesso a estradas. “Na região do rio Poti, na capital, temos cerca de 121 famílias afetadas pelas enchentes, então a Defesa Civil Municipal e o Corpo de Bombeiros estão atuando conjuntamente para fazer a retirada e levar, ou para a casa de parentes ou para abrigos. É um número que consideramos importante, mas a boa notícia é que o nível do rio baixou consideravelmente nos últimos quatro dias”, frisou o comandante do Corpo de Bombeiros, Carlos Frederico.

Segundo o chefe do executivo estadual, já foi decretado o estado de emergência no Piauí em razão das enchentes. “Já fizemos a decretação reconhecendo a situação de emergência, também temos a situação de calamidade por conta do coronavírus e já encaminhamos as orientações para os planos, junto ao Ministério do Desenvolvimento, na área da Defesa Civil Nacional integrada com Defesa Civil do Estado e dos municípios”, pontuou Wellington Dias.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web