Viagora

Wellington entrega reforma da escola Estado de São Paulo em Teresina

Para as obras realizadas no prédio e ampliação do refeitório com cozinha, vestiários e laboratórios, foi aplicado um investimento de R$ 1.288.172,68, com recursos do Programa Pro Piauí.

  • Luis Marcos/ Viagora U.E Estado de São Paulo 1 / 13 U.E Estado de São Paulo
  • Luis Marcos/ Viagora Governador Wellington Dias interage com alunos 2 / 13 Governador Wellington Dias interage com alunos
  • Luis Marcos/ Viagora Governador Wellington Dias com funcionários 3 / 13 Governador Wellington Dias com funcionários
  • Luis Marcos/ Viagora Governador Wellington Dias cumprimentando alunos 4 / 13 Governador Wellington Dias cumprimentando alunos
  • Luis Marcos/ Viagora Biblioteca escolar 5 / 13 Biblioteca escolar
  • Luis Marcos/ Viagora Escola 6 / 13 Escola
  • Luis Marcos/ Viagora Governador Wellington Dias Tirando foto com funcionários da escola 7 / 13 Governador Wellington Dias Tirando foto com funcionários da escola
  • Luis Marcos/ Viagora Governador Wellington Dias interage com alunos 8 / 13 Governador Wellington Dias interage com alunos
  • Luis Marcos/ Viagora Inauguração da escola 9 / 13 Inauguração da escola
  • Luis Marcos/ Viagora Governador Wellington Dias interage com alunos 10 / 13 Governador Wellington Dias interage com alunos
  • Luis Marcos/ Viagora Eliane Lopes, Diretora 11 / 13 Eliane Lopes, Diretora
  • Luis Marcos/ Viagora Estudante 12 / 13 Estudante
  • Luis Marcos/ Viagora Sala de Aula 13 / 13 Sala de Aula

Na manhã desta segunda-feira (06), o governador Wellington Dias esteve em entrega da reforma e ampliação realizado da Unidade Escolas Estado de São Paulo, localizada no Parque Piauí. O evento também contou com a presença da vice-governadora Regina Sousa.

Conforme o governo do Estado, para as obras realizas no prédio e ampliação do refeitório com cozinha, vestiários e laboratórios, foi aplicado um investimento de R$ 1.288.172,68, com recursos provenientes do Programa PRO Piauí Educação.

Para Wellington Dias o baixo desenvolvimento do estado e o atraso na educação do Piauí sempre preocuparam sua gestão que trabalhou estratégias para melhorar estes aspectos no estado.

“Isso sempre incomodou a mim e certamente a outras pessoas e de lá para cá fizemos um plano onde o objetivo era um grande desafio, que era em 20 anos sair de uma situação de muito baixo desenvolvimento para alto desenvolvimento e o alicerce desse desenvolvimento é educação, o atraso do Piauí na verdade era o atraso na educação, muita gente que não sabia ler nem escrever” afirmou o gestor.

Conforme o governador a meta do estado é garantir a educação de 200 mil piauienses para assegurar novas condições de mudança de vida a partir da formação educacional, capacitação técnica, e garantia de emprego.

“Agora mesmo estamos cuidando dessa geração do passado, a meta é colocar 200 mil pessoas para estudar, ter profissão, ou seja, garantir as condições como uma educação técnica e superior, garantir as condições de ter uma formação adequada, para onde vai o conhecimento, isso é um desafio que não é pequeno e hoje aqui na escola São Paulo nós temos esse exemplo que vai para todas as nossas escolas nos 224 municípios”, explica Dias.

A reforma proporcionou a unidade escolar uma estrutura física com laboratórios, biblioteca física e virtual, internet no prédio, refeitório com cozinha, além de possuir uma equipe de professores de nível superior ou com pós-graduação.

“Uma boa estrutura física, uma boa escola com tudo aquilo que uma escola precisa ter, a educação de tempo integral, poder ter laboratórios, biblioteca, biblioteca virtual, internet, carga elétrica, mas o principal bons professores e professoras, uma quadro todo com nível superior ou pós-graduação, gestão com muita competência e isso permite que a gente tenha espaços que o Piauí está dando”, explica.

Wellington Dias também falou sobre o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) do estado, responsável por medir a qualidade de ensino nas escolas públicas, afirmando que aproximadamente metade das escolas do Piauí possuem uma boa avaliação no IDEB.

“Além do investimento que gera emprego que gera renda, ela abre uma oportunidade para pessoas que sem pagar, gratuitamente podem ter educação de qualidade. Nossa IDEB melhora em toda a rede, lá atrás a gente tinha uma ou outra escola com bom IDEB, agora nós já temos aproximadamente metade das escolas com bom IDEB e pelo modelo que criamos, a exigência da gestão de cumprir metas, nós vamos ter todas as escolas com boa qualidade”, destaca o governador.

A professora Eliane Lopes, diretora da escola Estado de São Paulo, agradeceu ao governador Wellington Dias pela ampliação da unidade e ressaltou ao Viagora que a modernização proporciona uma ambiente educacional mais integrado para contemplar os 900 alunos matriculados na escola.

“A nossa escola está de festa, nós temos muito que agradecer. Sonhos realizados ha mais de 40 anos, uma escola que foi ampliada, a comunidade está de festa, há anos que nós lutávamos, passou diretores e diretores e tem um ponto de cada um, hoje a escola tem refeitório, temos uma sala de informática que dá pra atender 40 alunos tanto na comunidade como da casa, temos a biblioteca agora. Nós temos que agradecer o nosso excelentíssimo governador Wellington Dias. A escola é de ensino médio, manhã e tarde, estamos com 900 alunos na casa”, afirma a diretora.

A vice-governadora do estado, Regina Sousa, também esteve na entrega da reforma e afirmou que as obras são realizadas em todo o estado. Ela destaca que outras três obras em escolas já estão prontas e serão entregues.

“Nós estamos em um processo de reformas das escolas todas as escolas estão sendo reformadas aqui mesmo em Teresina está entregando essa hoje, mas já tem outras três prontas para entregar. A gente trabalha com um processo rápido de entrega das escolas, todas ficam no mesmo padrão. Um ambiente agradável para os alunos se sentirem a vontade, para usar a criatividade, os estudantes podem jogar xadrez, dama. É uma escola que a gente quer que seja para todo o Piauí, estamos fazendo tanto em Teresina como no estado todo com escolas nesse nível. Têm outras sendo construídas também no mesmo padrão de escolas para serem transformadas em tempo integral na hora de que for possível. É isso a educação, cada vez que se abre escola se fecha presídio”, concluí a gestora.

Facebook
Indicado para você
Veja também