Viagora

Motoristas e cobradores de ônibus podem deflagrar greve em Teresina

O representante do sindicato, Ajuri Dias disse que a categoria está há mais de 2 anos trabalhando sem o cumprimento da convenção coletiva.

Nesta quinta-feira (03), um dos representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Rodoviários do Piauí (Sintetro), Ajuri Dias, afirmou que existe a possibilidade dos motoristas e cobradores realizarem uma nova greve devido ao não cumprimento da convenção coletiva reivindicada pela categoria.

O representante do Sindicato informou ao Viagora que a comissão do Sintetro-PI organiza uma reunião para decidir em Assembleia sobre um possível movimento de greve, pois a categoria está há mais de 2 anos trabalhando sem o cumprimento da convenção coletiva.

Foto: Luis Marcos/ ViagoraManifestação dos motoristas e cobradores de Ônibus
Manifestação dos motoristas e cobradores de Ônibus

"A comissão deverá convocar uma Assembleia para ver com a categoria se haverá um movimento de greve, eles estão propensos a fazer essa discussão. Estamos há mais de 2 anos essa situação e a proposta que foi colocada pela categoria não teve uma resposta”, explicou Ajuri Dias.

Ainda segundo Ajuri Dias, a prefeitura municipal não fez o repasse do subsídio para a categoria e agora eles reivindicam o recebimento dos benefícios trabalhistas para permanecer atuando no funcionamento da frota na cidade.

“A prefeitura não fez o repasse em relação ao subsídio da categoria e eles não tem como reajustar o valor do salário e dos benefícios que a convenção solicita em torno desses benefícios. Não tem como ficar trabalhando do jeito que está hoje de forma estamos em uma situação de só retornar se tiver esses benefícios, se não tiver nós vamos realizar o movimento de greve”,afirmou.

Mais conteúdo sobre:

Teresina

Piauí

Sintetro

Facebook
Indicado para você
Veja também