Viagora

Geraldo Alckmin é bem-vindo, diz Dudu sobre aliança com Lula

O vereador também destacou que a oposição não sabe debater ideias e ressalta a necessidade de união das forças para conseguir mudar o país.

Na manhã desta quarta-feira (13), o vereador Dudu Borges falou sobre a aliança entre o Partido dos trabalhadores (PT) e o Partido Socialista Brasileiro (PSB), com o lançamento da chapa entre Lula e Geraldo Alkimin na disputa às eleições presidências.

Ao Viagora, o parlamentar afirmou que em um primeiro momento não concordou com a ideia, devido ao histórico entre os partidos, mas que o país tem vivido uma situação crítica e como enfrentamento se criou essa aliança.

Foto: Luis Marcos/ ViagoraVereador Dudu
Vereador Dudu

“Eu, particularmente, em primeiro momento, na minha corrente nacional me posicionei contrário. Para a disputa que existia historicamente com o PSB e Alckimin representa, ou representou, o PSB que é o partido que polarizava com o PT, então em primeiro momento você esquece algumas disputas locais. Agora é óbvio que a gente está vivenciando um período muito crítico no Brasil, não de afronta a questão, mas uma tentativa sistemática de um grupo unificado que comanda hoje o país de atentar contra a democracia, que é o grupo do Bolsonaro. E eles estão fechando um grande bloco para isso. Eu vejo hoje o Republicanos, vejo o PT, vejo os outros partidos discutir e formar essa aliança nacional” disse.

Dudu também destacou que a oposição não sabe debater ideias e ressalta a necessidade de união das forças para conseguir mudar o país.

“Esses caras não debatem, não fazem o confronto da ideia, eles fazem uma militância odienta, uma militância que desinforma e que prega o ódio, que prega a homofobia, que prega o racismo, que prega o ceticismo, que prega a todo tipo de mazela que a gente tinha sepultado no Brasil e que a gente precisa unir todas as forças para continuar a sepultar esse tipo de coisa, não cabe mais hoje a gente entender que é normal você cometer um ato de homofobia, um ato de racismo e esses grupos, eles extremam pra isso, eles atentam contra a democracia, atentam contra a sociedade”, destacou.

Para o vereador, o Brasil é um país pacífico e solidário e nisso, Geraldo Alckmin e todos os que quiserem se juntar para defender a democracia, são bem vindos.

"Somos um país pacífico, um país plural, solidário, amigável e estamos vendo os últimos três, quatro anos exacerbar o ódio. Por isso que temos que unir todos os que querem defender a democracia. Nesse sentido o Alckmin é bem vindo, porque é uma pessoa que tem experiência muito grande, foi governador do maior estado do Brasil, conduziu o PSDB. A gente fez debates a vida toda com o PSDB, mas você não via o que a gente vê hoje com esses ditos militantes bolsonaristas, eles têm militância política ideológica, militância de ódio, de violência. Na minha opinião, não só o Alckmin, mas todos os que queiram se juntar para defender a democracia, são bem vindos” afirmou.

Facebook
Indicado para você
Veja também