Viagora

Zoonoses e militares reforçam ações de combate à dengue na zona Leste

A participação dos militares do 25° BC é uma parceria para agilizar o enfrentamento à dengue em Teresina, em duas semanas já visitaram cerca de oito locais.

Nessa quinta-feira (12), os militares do 25° BC e agentes de endemias do Centro de Controle de Zoonoses visitaram casas no bairro Vale do Gavião, zona Leste de Teresina em busca de focos do mosquito Aedes Aegypti transmissor da dengue, zika, chikungunya.

O coordenador da Operação de Combate à Dengue, Secretário Edmilson Ferreira, pediu a cooperação dos residentes do local e da população em geral nessa campanha. “Pedimos a colaboração da população teresinense, tanto no sentido de permitir a entrada dos agentes e dos militares, quanto no sentido de investigar a própria casa, evitando deixar pontos de água acumulada. Uma tampinha com água parada ou jarrinho de planta sem areia já se torna um criadouro do mosquito. Precisamos ser vigilantes. A dengue mata”, disse o coordenador.

De acordo com a Fundação Municipal de Saúde (FMS), os agentes também entraram em casa desocupadas e abandonadas para averiguar e procurar focos do mosquito da dengue, essa ação é permitida por lei Nº 13.301, de 27 de junho de 2016.

Segundo a Prefeitura de Teresina, a participação dos militares do 25° BC é uma parceria para agilizar o combate a dengue na capital, em duas semanas já visitaram o Bairro Cabral, zona Norte, Avenida Frei Serafim, Centro, Conjunto Jacinta Andrade, zona Norte. Bairro Nossa Senhora das Graças, zona Sul e Bairro da Cumprida, zona Sudeste.

Ainda de acordo com a Prefeitura, a Operação de Combate iniciou no dia 18 de abril em parceria com vários órgãos, como por exemplo a Secretaria de Educação (SEMEC), Superintendências de Ações Administrativas Descentralizadas (SAADs), a Secretaria de Justiça (SEJUS), Secretaria de Comunicação (SEMCOM), além do Exército e a FMS.

De acordo com o secretário Edmilson Ferreira, o prefeito de Teresina, Dr, Pessoa, tem ciência da gravidade do quadro de enfrentamento a dengue e não mede esforços para a campanha “O nosso prefeito, Dr. Pessoa, não está medindo esforços. Como médico, ele está muito preocupado com a questão da dengue, com o aumento do número de casos e com a gravidade do quadro que estamos enfrentando. Por isso, ele tem sido incansável na busca de parcerias para limpar a cidade e acabar com os focos do mosquito. Agora, esperamos que a população também faça sua parte. Além de verificar dentro de casa, é fundamental acabar com a prática de jogar lixo nas ruas. Esse lixo vira criadouro do mosquito e a doença pode afetar a todos”, afirmou.

Facebook
Indicado para você
Veja também