Viagora

CCR alerta para riscos de balões próximo ao aeroporto de Teresina

De acordo com o responsável pela área de Segurança Operacional da CRR, Luís Spanner, uma faísca que é levada pelo vento, pode provocar incêndios.s

A empresa CRR Aeroportos, nesta quarta-feira (22), faz alerta à população de Teresina, para evitar fogueiras de São João e balões nas proximidades do Aeroporto da capital.

Segundo o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA), o choque de um balão de 50 kg contra um avião comercial voando a 450 km/h, gera impacto de até 100 toneladas, causando riscos de acidentes.

De acordo com o responsável pela área de Segurança Operacional da CRR, Luís Spanner, uma faísca levada pelo vento, pode provocar incêndios causando sérios danos à operação, e segurança das pessoas que utilizam o aeroporto ou moram na região.

Ainda segundo Spanner, a prática de soltar balões, acarreta riscos às operações por eventuais impactos na estrutura do avião. Dados apontam que o período entre maio e agosto, existem maior interferência de balões nas operações aéreas.

“Não temos histórico de acidentes envolvendo balões no Aeroporto de Teresina desde que assumimos sua administração em março deste ano. No entanto, essa é uma prática tradicional que potencializa o risco de incêndios e coloca em risco a segurança da aviação. Além disso, é importante ressaltar que o ato de soltar balões se trata da prática ilegal, prevista em lei”, ressalta.

Lei N ° 9.605

O Artigo 42 da Lei de Crimes Ambientes (Lei N ° 9.605) afirma que fabricar, vender, transportar ou aoltar balões que possam provocar incêndios, tanto florestais quanto urbanos, tem pena de um a três anos de prisão ou multa. 

Por: Bruna Sousa

Mais conteúdo sobre:

Teresina

Piauí

Facebook
Indicado para você
Veja também