Viagora

Presidente da Funasa assina ordem de serviço para estruturar poços no Piauí

De acordo com a Funasa, a ação faz parte do programa “Força-Tarefa das águas”, que estará equipando aproximadamente 618 poços.

  • Viagora/ Amanda Santiliana Assinatura do contrato para construção de poços em municípios piauienses 1 / 4 Assinatura do contrato para construção de poços em municípios piauienses
  • Viagora/ Amanda Santiliana Assinatura do contrato para construção de poços em municípios piauienses 2 / 4 Assinatura do contrato para construção de poços em municípios piauienses
  • Viagora/ Amanda Santiliana Assinatura do contrato para construção de poços em municípios piauienses 3 / 4 Assinatura do contrato para construção de poços em municípios piauienses
  • Bruna Sousa/ Viagora Assinatura do contrato para construção de poços em municípios piauienses 4 / 4 Assinatura do contrato para construção de poços em municípios piauienses

Na manhã desta sexta-feira (01), a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), realizou a cerimônia de assinatura da ordem de serviço para equipar poços nos municípios do Piauí. A solenidade aconteceu na sede da APPM, em Teresina.

Na oportunidade, estavam presentes o ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, o presidente da Funasa, Miguel Marques, o presidente da APPM, Paulo César Morais, o senador Elmano Férrer, a deputada federal, Margarete Coelho, o prefeito de Várzea Grande, Robert Segundo entre outras lideranças.

De acordo com a Funasa, a ação faz parte do programa “Força-Tarefa das águas”, que estará equipando aproximadamente 618 poços tubulares, atendendo mais de 40 municípios. Serão beneficiadas quase 13 mil pessoas, correspondendo aproximadamente 3,5 mil famílias.

O presidente Miguel Marques, destaca que a ação é muito importante para as famílias que habitam nas cidades beneficiadas. “A importância da Força-Tarefa das Águas” ficou clara ao longo desses meses. A Funasa está trabalhando com muito empenho para que tudo seja feito da melhor forma para atender as necessidades de milhares de brasileiros, porque quem tem sede não espera”, destacou.

O ministro Ciro Nogueira afirma sua felicidade em assinar a ordem de serviço. “Fico muito feliz de poder assinar essa ordem de serviço, é fruto de um trabalho agora da Casa Civil, de unificar as ações de diversos órgãos, porque antigamente esses órgãos atuavam sem coordenação”, disse o ministro.

O prefeito Robert Segundo explica a importância do evento. “Nós tivemos hoje aqui um momento muito importante, a assinatura da ordem de serviço da Força-Tarefa das Águas do Piauí, que é umas das grandes demandas, um dos grandes desafios do nosso estado. Historicamente, a décadas sofre com essa falta de água, e nós vimos poucos avanços nos últimos vinte anos em relação a isso. Momento que os estados tiveram grandes ganhos nas produções, e matar a sede da população não aconteceu de forma semelhante no Piauí. Daí vem a grande importância da Força-Tarefa da Funasa, do esforço do Governo Federal, na pessoa do ministro Ciro Nogueira que eu tenho certeza, que ele não trás promessas infundadas, porque já é da característica dele a palavra, a execução das obras. Tenho certeza que ganharemos muito em todo o interior do Piauí, com perfuração de poços, de cisterna de adutores, para levar água para quem mais precisa, esse bem tão importante, tão precioso. Hoje nós vivemos um dia fundamental nesse sentido no nosso Piauí, quero agradecer o nosso ministro por isso”, disse.

O senador Elmano disse também que a ordem de serviço é importante para o estado e que muitos poços já foram perfurados. “Muito importante, nós temos uma região no Piauí, um estado grande, mas de um também que tem a região semiárido, aquela região de São Raimundo Nonato de Simões, também em direção a Fronteiras, que é uma região seca e precisa muito de água, também com problema que é uma região de solos não muito propícios a poços simulares. Mas temos feitos ações na área de saúde em barragens e etc. Então acho importante, sobretudo com esses recursos, muitos poços já perfurados já existentes, sem poder aduzir a água, porque não tem os equipamentos necessários, bombas e etc. Então é muito importante para o estado do Piauí”, disse.

Força-Tarefa da Águas

Segundo a Funasa, além do Piauí, foram firmados outros convênios para aparelhamento de poços nos estados do Rio Grande do Norte e Ceará, o que resultou em mais de R$ 93 milhões em investimentos.

Por: Bruna Sousa

Mais conteúdo sobre:

Teresina

Piauí

Funasa

Facebook
Indicado para você
Veja também