Viagora

Preço do litro da gasolina nos postos em Teresina já chega a R$ 6,99

Os postos de combustíveis de todo o Brasil, já tem a obrigação de divulgar o preço dos combustíveis que eram cobrados no dia 22 de junho de 2022.

Nessa terça-feira (05), a governadora Regina Sousa autorizou a elaboração dos instrumentos legais para o cumprimento da lei 194, sobre o aumento dos preços de combustíveis de gás, energia elétrica e transporte coletivo.

O Projeto de Lei para regulamentar redução de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), já foi enviado para a Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) para votação.

Foto: Montagem/ViagoraPreço dos combustíveis em Teresina
Preço dos combustíveis em Teresina

Os postos de combustíveis de todo o Brasil, já tem como obrigação a divulgação do preço dos combustíveis que eram cobrados no dia 22 de junho de 2022, para que os consumidores possam fazer uma comparação com os preços.

O Viagora percorreu alguns postos da capital para observar os valores que estão sendo cobrados nos combustíveis, como Gasolina Comum e Diesel. Em média, o valor da Gasolina Comum é de R$ 7,03, e do Diesel R$ 7,55. Para a Gasolina Comum, o valor mais alto encontrado foi de R$ 7,19, e o menor valor, R$ 6,99. Já para o Diesel, o valor mais alto encontrado foi de R$ 7,69, e o mais barato R$ 7,49.

A equipe de reportagem conversou com consumidores, que precisam dos combustíveis para a locomoção. Em entrevista, a consumidora Bárbara Costa, que é vendedora autônoma, diz que a expectativa da redução do ICMS é alta, mas que ainda tem dúvidas do resultado. “A expectativa é alta, quanto mais barato melhor. Mas a gente sabe como são as coisas, ainda tenho que esperar para ver se essa redução vai acontecer mesmo”, explica.

Lei Federal 194

A Lei Federal 194, foi publicada no Diário Oficial da União no dia 23 de junho de 2022. O Projeto prevê a redução da alíquota do ICMS de 31% para 18%. A lei, é uma tentativa do governo federal, para conter a alta da inflação, que aumenta o preço de vários produtos no país, diminuindo o poder de compra do consumidor.

Mais conteúdo sobre:

Teresina

Piauí

ICMS

Piauí

Facebook
Indicado para você
Veja também