Viagora

Ministério Público acompanha implantação de programa em São Pedro do Piauí

Segundo o MPPI, o Programa Infância e Juventude Protegida, que foi elaborado pelo CAODIJ, tem como objetivo discutir o papel dos municípios e da rede de proteção em relação à escuta especializada.

A Promotoria de Justiça de São Pedro do Piauí realizou na última quinta-feira (14), uma audiência extrajudicial que contou com a presença da promotora de Justiça Joselisse Nunes, coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa da infância e Juventude (CAODIJ), e tratou do Processo administrativo n° 15/2022, SIMP n° 000334-255/2022, instaurado para acompanhar a implantação da escuta especializada no município de São Pedro do Piauí.

De acordo com o MPPI, o Programa Infância e Juventude Protegida, que foi elaborado pelo CAODIJ, tem como objetivo discutir o papel dos municípios e da rede de proteção em relação à escuta especializada, em parceria com as Promotorias de Justiça. O município de São Pedro do Piauí não possui fluxo para o atendimento de crianças e adolescentes que são ou foram vítimas ou testemunhas de violência, principalmente a sexual.

Foto: Luis Marcos/ ViagoraMinistério publico do Piauí
Ministério publico do Piauí

No final da audiência, ficou acertado que o Centro de Apoio Operacional de Defesa da infância e Juventude (CAODIJ), irá encaminhar para a Promotoria de Justiça de São Pedro do Piauí, um material de apoio pertinente.

Facebook
Indicado para você
Veja também