Viagora

Bebê morto e com sinais de violência é deixado em hospital de Teresina

De acordo com o delegado do DHPP Francisco Baretta, a polícia foi acionada para investigar o caso.

Nesse domingo (03), um bebê deu entrada sem vida com sinais de violência no Hospital de Pediatria do Parque Piauí, localizado na zona Sul de Teresina.

Ao Viagora, o delegado do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) Francisco Baretta, informou que a criança deu entrada por volta das 18h30, e após o médico responsável perceber os sinais de violência, a polícia foi acionada.

“Recebemos a ocorrência, que o médico de plantão estava verificando que a criança apresentava alguns indícios de violência, e que era para mandar para o IML”, informou.

Foto: Ascom/FMSFachada do Hospital da Criança em Teresina.
Fachada do Hospital da Criança em Teresina.

Ainda de acordo com o delegado, o DHPP tomou os procedimentos cabíveis imediatamente. “A gente adotou as providências, colhemos as informações, requisitamos o exame pericial da criança que foi removida para o IML. Entrevistamos algumas pessoas que estavam no hospital, o médico, posto de enfermagem, e mandamos todos para a DPCA”, explicou.

O DHPP informou que segundo informações do médico repassadas a polícia, a criança chegou sem vida na sala de estabilização. “Segundo o médico que levou ele para a sala de estabilização ele já estava em óbito quando chegou na sala”, disse Baretta.

A Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA), vai investigar o caso.

Em nota a Fundação Municipal de Saúde (FMS), informa que a criança de 10 meses recebeu atendimento imediato pela equipe de plantão, que seguiu todos os protocolos. A nota diz também que a criança chegou sem vida ao hospital.

Ainda segundo informações da FMS, o hospital realizou o boletim de ocorrência e o corpo da criança foi entregue ao Instituto Médico Legal (IML).

Veja a nota da FMS abaixo na íntegra:

"O Hospital Municipal da Criança informa que o bebê de 10 meses, deu entrada ontem (03) às 18h40 na unidade hospitalar sem vida. A criança chegou ao hospital nos braços da mãe e imediatamente foi atendida pela equipe médica de plantão que seguiu todos os protocolos de saúde. Como a criança chegou sem vida e a mãe fugiu do local o hospital fez boletim de ocorrência e o corpo foi entregue ao IML para apurar a causa da morte".

Facebook
Indicado para você
Veja também