Viagora

Wilson Martins diz que ex-deputado Mainha pode se filiar ao PSB

O ex-governador afirmou que o partido ainda está em tratativas para integrar Mainha e já discutiu sobre o tema em reunião com o diretório nacional da sigla em Brasília.

Em entrevista concedida nesta segunda-feira (27), o ex-governador do Piauí, Wilson Martins (PT), admitiu a possibilidade de filiação do ex-deputado federal Mainha ao PSB, sigla a qual já foi presidente.

Segundo o petista, o partido ainda está em fase de tratativas para integrar Mainha e já discutiu sobre o tema em reunião com o diretório nacional da sigla em Brasília.

Foto: Kalita Leão/ ViagoraWilson Martins
Wilson Martins

“Tem essa possibilidade [de filiar ao partido], estamos conversando com várias lideranças do estado. Hoje estou no PT e evidentemente que o deputado Nerinho estava conosco, o ex-deputado Mainha também, cada um com seus partidos”, afirmou.

Mainha atualmente compõe os quadros do Solidariedade e já tentou presidir o Republicanos no Piauí, a legenda comandada pelo grupo do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa. Mesmo diante desse cenário, Wilson Martins declarou que não há empecilhos e o ex-parlamentar sempre apoiou a base governista.

“O deputado Mainha fez campanha no palanque do Rafael Fonteles, não participou da eleição municipal, mas participou efetivamente das eleições para o governo do Piauí de 2022”, explicou.

PSB e PT

O ex-governador também enfatizou o histórico de alinhamento entre o PSB e o PT, revelando que há conversações para que caminhem juntos nas eleições municipais de 2024.

“O PSB é um dos partidos aliados desde os primeiros tempos de sua criação aos partidos da esquerda, tem uma relação muito fraterna com o PT, assim como eu também tenho com o PSB. Lá deixei grandes amigos, tivemos praticamente federado PSB e PT nas últimas eleições, há conversas para que possamos caminhar nesse rumo. É importante que a gente cuide bem não só do nosso partido, PT, como também dos partidos que estão ao nosso lado como o PSB. Então, vislumbra essa possibilidade de se reorganizar o partido aqui, caminhar juntos para as eleições municipais de 2024 e no futuro a partir de 2026 também”, destaca.

Facebook
Indicado para você
Veja também