Coluna do Viagora

Coluna do Viagora

Contato: (86) 3232-4940 - E-mail: [email protected]

Ministros do STJ revogam prisão domiciliar de Arimatéia Azevedo

24/11/2020 18h17 - atualizado

Depois de mais de 160 dias preso em regime domiciliar, o jornalista Arimatéia Azevedo, acusado de extorsão contra um cirurgião plástico, consegue reverter a prisão nesta terça-feira (24).

O jornalista teve a prisão revogada pela 6ª turma do Superior Tribunal de Justiça - STJ em sessão virtual realizada nesta terça-feira. 

  • Foto: DivulgaçãoJornalista Arimateia AzevedoJornalista Arimateia Azevedo

O jornalista foi preso no dia 12 de junho após ter sido alvo de uma operação  realizada pelo Grupo Especializado de Repressão ao Crime Organizado (Greco) e estava impossibilitado de exercer a profissão.

Por dois votos a um, a 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Piauí negou no dia 22 de julho, o habeas corpus impetrado pela defesa de Arimateia Azevedo, para revogar a prisão preventiva, posteriormente transformada em domiciliardevido a pandemia da Covid-19.

Mais na Web