Coluna do Viagora

Coluna do Viagora

Contato: (86) 3232-4940 - E-mail: redacao@viagora.com.br

PMDB não vai recuar na briga pela vaga de vice-governador em 2018

11/04/2017 20h24 - atualizado

O presidente da Assembleia Legislativa, Themístocles Filho, já deixou bem claro “a reivindicação do PMDB é pela vaga de vice”, na chapa de Wellington Dias em busca da reeleição em 2018. Isso não seria nada demais, já que a maior parte dos peemedebistas são aliados de Dias, o problema é que outros nomes igualmente fortes estão na disputa pela mesma vaga.

Sem citar a permanência de Margarete Coelho, Júlio Arcoverde já declarou que o PP deve ficar com as duas vagas majoritárias: vice-governador e senador.

  • Foto: DivulgaçãoThemístocles Filho, presidente da Alepi.Themístocles Filho, presidente da Alepi.

Enquanto os petistas defendem a candidatura à reeleição da senadora Regina Sousa, Ciro Nogueira pressiona pelo apoio do governador ao seu nome para o Senado. Nessa briga entrou também o deputado federal Júlio César, presidente do PSD no Piauí. Ele também já deixou bem claro a disputa por uma das vagas.

Agora, com os aliados acomodados em secretarias, está tudo relativamente tranquilo, mas o precipício está a vista: são três partidos disputando duas vagas. 

Como disse o deputado Themístocles, “todas essas decisões só vão ocorrer em 2018”, vamos esperar para ver.

Mais na Web