Viagora

Brasileira é encontrada morta dentro de banheira na Austrália

O corpo de Catiúscia Machado estava dentro da banheira na residência onde ela morava.

Na noite desse último sábado (25), uma brasileira de 43 anos foi encontrada morta dentro do banheiro do apartamento em que estava atualmente em Sidney, na Austrália. A jovem mulher foi identificada como Catiúscia Machado, natural de Canoas, da região Metropolitana de Porto Alegre.

De acordo com a polícia, o namorado da vítima, que também é brasileiro e possível suspeito foi foi preso. Em entrevista ao programa Gaúcha +, da Rádio Gaúcha,a mãe de Catiuscia, Eliaide Machado, disse que o homem teria agredido a filha durante uma discussão. Na sequência, ela teria caído na banheira.

Segundo informações da polícia australiana, o corpo estava coberto por gelos. A polícia logo foi acionada por vizinhos da professora. O corpo de Catiúscia passará por necropsia para que seja identificada a causa da morte. A família pretende realizar o enterro no Brasil.

De acordo com a mãe da vítima, a filha e o namorado se conheceram há pouco mais de um ano, em Vila Velha no Espirito Santo. Eles viajaram para a Austrália juntos, em março de 2022. Catiúscia pretendia retornar ao Brasil em junho de 2024.

Por nota, o Ministério das Relações Exteriores, por meio do Consulado-Geral do Brasil em Sydney, informou que "permanece à disposição para prestar assistência consular aos familiares da nacional brasileira". 

O Ministério das Relações Exteriores, por meio do Consulado-Geral do Brasil em Sydney, permanece à disposição para prestar assistência consular aos familiares da nacional brasileira.

Além disse, em observância ao direito à privacidade e ao disposto na Lei de Acesso à Informação e no decreto 7.724/2012, informações detalhadas poderão ser repassadas somente mediante autorização dos envolvidos. Assim, o MRE não poderá fornecer dados específicos sobre casos individuais de assistência a cidadãos brasileiros.

Por: Noely Alvarenga

Com informações do g1

Mais conteúdo sobre:

Morte

Polícia

Crime

Facebook
Indicado para você
Veja também