Política

Eduardo Leite busca apoio para 2022 em reunião com PSDB em Teresina

O governador do Rio Grande do Sul participou do encontro da sigla na tarde desta sexta-feira (29), na capital do Piauí.
  • LETÍCIA DUTRA
29/10/2021 18h36 - atualizado

Visita do Governador Eduardo Leite ao Piaui

Na tarde desta sexta-feira (29), o governador do Rio Grande do Sul e pré-candidato a presidência Eduardo Leite (PSDB), participou de um encontro do partido com lideranças em Teresina, em busca de apoio para as prévias da sigla que está prevista para acontecer em  21 de novembro.

O governador de São Paulo, João Doria, também se coloca como pré-candidato à presidência pelo PSDB.

Eduardo Leite destacou que o partido busca ser uma terceira via e não como pólo de radicalização nas eleições presidenciais e ainda afirmou estar confiante que vai vencer as prévias do PSDB.

“Muito feliz de estar aqui no Piauí, fui recebido pelo ex-prefeito Sílvio Mendes nessa jornada que estamos oferecendo por todos os estados brasileiros para oferecer ao PSDB um caminho em que para que a gente consiga se posicionar como uma terceira via e não como um terceiro pólo de radicalização, é muito importante que a gente consiga viabilizar um caminho efetivamente no centro, porque o Brasil está cansado de guerra, de enfrentamentos. É possível fazer política com oposição e ao mesmo tempo diálogo e respeito com quem pensa diferente da gente. Estou feliz de ser recebido aqui no estado e muito confiante de que vamos vencer as prévias do PSDB”, disse o governador.

Na ocasião o governador do Rio Grande do Sul avaliou seu desempenho nas pesquisas eleitorais presidenciais contra possíveis pré-candidatos Lula (PT) e Jair Bolsonaro (sem partido), ele afirma que tem espaço para crescer dentro desse cenário político polarizado.

“A pesquisa tem que ser olhada no seu contexto, o mais importante agora é ver a rejeição que tem os dois candidatos que polarizam e o desempenho que eu tenho nas pesquisas só confirma que a gente tem espaço para crescer porque mesmo sendo menos conhecido do que muitos candidatos que já são mais consolidados na política nacional nosso desempenho não destoa e é até superior a muitos cenários. A pesquisa nos da confiança de poder crescer e apresentar uma alternativa ao Brasil, mas precisa ser analisada de maneira mais aprofundada, não só a pesquisa de intenção de voto”, explica o tucano.

O governador também se posicionou sobre o atrito que protagonizou junto ao adversário das prévias do PSDB, João Dória, sobre uma ação a cerca da filiação de nomes ao partido fora do período determinado.

“Eu não entrei com a ação, quatro diretórios entraram com a ação do sul , de Minas Gerais, da Bahia, e do Rio Grande do Sul. Os indícios são muito grande de há uma fraude nessas filiações tanto é que o presidente do partido suspendeu essas possibilidades de votação nas previas. É um episódio lamentável e a gente espera que ocorra essa devida consequência”, explica o governador.

O senador Tasso Jereissati também esteve presente no evento e afirmou que o partido é referencia na gestão municipal, ele ainda relembrou da gestão de Wall Ferraz e Firmino Filho.

“No nordeste o PSDB é a maior escola de gestões municipais que é praticamente invencível durante seus mandatos de gestão municipais, nós somos o que fizeram as melhores administrações de capitais no nordeste brasileiros. Relembro aqui a atuação do Wall Ferraz que fez escola com nosso querido e inesquecível Firmino Filho que infelizmente se foi tão cedo, circunstâncias tão trágicas”, destacou o senador.

No encontro, o deputado estadual Marden Menezes destacou a importância da visita do governador Eduardo Leite nas prévias do partido.

"É importante receber a presença do governador Eduardo Leite nesse processo de prévias, temos que ter essa aproximação com os nomes que o partido apresenta não se trata de briga entre adversário, ouvir as proposta de Leite, doria faz parte do processo o formular nosso voto, opinião", Marden Menezes

O governador também afirmou estar confiante para as eleições presidenciais de 2022. "Está em nossas mãos, me lanço como líder desse projeto porque sei que não estarei sozinho, quero receber a confiança de vocês para uma boa vitória nas eleições de 2022 e oferecer um governo a altura porque vamos governar juntos!", finalizou.

Mais na Web