Piauí

Energia fica fora do aumento de impostos, diz Rafael Fonteles

A Alepi discute medida do Governo do estado de aumentar impostos. O Secretário da Fazenda solicitou a retirada da energia elétrica dentre as propostas de aumento.
  • VITOR FERNANDES
16/10/2017 18h30 - atualizado

O Secretário de Fazenda, Rafael Fonteles, solicitou ao governador Wellington Dias a retirada do aumento de energia, dentre as propostas de majoração de impostos feitas pelo Governo estadual, segundo ele, houve um acordo.

  • Foto: CCOMRafael FontelesRafael Fonteles

“Eu defendi junto ao governador, a retirada do aumento de energia que vai beneficiar a redução do ICMS e ele concordou. Isso gera um impacto de redução de aproximadamente 40 milhões de reais”, assegurou Rafael Fonteles.

O secretário participou de uma reunião com o presidente da Federação das Indústrias do Piauí (FIEPI), Zé Filho, e com entidades representantes do setor produtivo do Piauí, para discutir essa tentativa de aumentar os impostos no estado.

“Avançamos nessa negociação, onde discutimos de forma democrática e conseguimos excluir o aumento da energia elétrica, que ia gerar impacto não só nas empresas, mas também na conta de luz do cidadão comum, evitando o encarecimento no serviço”, disse Zé Filho.

Está marcado uma audiência pública para discutir o assunto, para a manhã desta terça-feira (17) na Assembleia Legislativa do Piauí. 

Mais na Web