Piauí

MP investiga Gil Carlos por uso irregular no transporte escolar

O promotor Jorge Luiz da Costa Pessoa, instaurou um inquérito civil para apurar o deslocamento de alunos no município de São João do Piauí.
28/05/2019 06h20 - atualizado

O Ministério Público do Piauí através do promotor Jorge Luiz da Costa Pessoa, instaurou um inquérito para apurar supostas irregularidades no transporte escolar de alunos dentro do município de São João do Piauí. A cidade é administrada pelo prefeito Gil Carlos.

De acordo com a portaria nº 167/2019, o MPPI investiga o deslocamento de alunos do assentamento do INCRA na cidade.

  • Foto: Divulgação/ Facebook Gil CarlosPrefeito Gil CarlosPrefeito Gil Carlos

O MPPI considerou ainda a função de zelar pelo efetivo respeito dos poderes públicos e dos serviços de relevância pública, aos direitos assegurados nesta constituição, promovendo as medidas necessárias à sua garantia.

 “Aguarde-se resposta ao expediente encaminhado ao Município de São João do Piauí. Após realização das diligências supra, tornem os autos conclusos para ulteriores deliberações”, determinou o representante do Ministério Público.

Outro lado

O Viagora procurou o gestor para falar sobre o assunto, mas até o fechamento da matéria o prefeito não foi localizado. O espaço está aberto para esclarecimentos.

Mais na Web