Polícia

Preso suspeito de aplicar golpes em restaurantes de Teresina

O crime consiste em realizar o agendamento da transferência para pagar o produto e enviar um falso comprovante de pagamento.
04/11/2020 12h52 - atualizado

Um homem de 20 anos, suspeito de aplicar o golpe do “comprovante falso” em um restaurante da zona leste de Teresina, foi preso nessa terça-feira (3) pela Polícia Civil do Piauí, por meio da Gerência de Polícia Especializada (GPE) e Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI).

De acordo com a investigação, o autor vinha realizando essa mesma conduta durante todo o feriado e outros estabelecimentos comerciais podem ter sido vítimas. O crime consiste em realizar o agendamento da transferência para pagar o produto e enviar um falso comprovante de pagamento. O suspeito então envia a imagem do falso comprovante da transação.

Durante a pandemia da COVID-19, vários estabelecimentos em Teresina (restaurantes, lojas de eletrônicos, lojas de roupas e acessórios), que fortaleceram suas vendas por delivery, têm sido vítimas desse golpe, e de variações dessa fraude.

A investigação segue com a intenção de identificar os outros possíveis envolvidos no golpe, que tenham associação com o preso. A Polícia Civil ainda emitiu um alerta para que os estabelecimentos fiquem atentos e criem uma rotina de verificação efetiva de pagamento antes de fazer a entrega dos produtos.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web